publicidade
08/04/20
Keno comandou a virada do Santa Cruz sobre o Ceará em 2016, com dois gols. Foto: André Nery/JC Imagem
Keno comandou a virada do Santa Cruz sobre o Ceará em 2016, com dois gols. Foto: André Nery/JC Imagem

Memória: relembre a grande atuação de Keno em Santa Cruz 2×1 Ceará, pelo Nordestão 2016

08 / abr
Publicado por Klisman Gama em Multimídia às 8:35

Continuamos com a série Memória. Desta vez, relembramos um dos jogos marcantes da campanha do título do Santa Cruz na Copa do Nordeste 2016. O primeiro jogo das quartas de final da competição, no Arruda. Era estreia do técnico Milton Mendes no comando técnico da equipe. Mas quem brilhou naquela partida foi um atacante veloz, que se tornou artilheiro naquele ano e ganhou o coração da torcida coral: Keno. O ponta-esquerda marcou dois gols, sendo o segundo deles uma pintura, aos 44 minutos do segundo tempo. Partida que foi um dos propulsores naquela temporada para que o Tricolor arrancasse rumo ao título do Regional e do Estadual.

LEIA MAIS

>> FPF trabalha possibilidade do Campeonato Pernambucano voltar em maio

>> Febre nas redes sociais, desafio Don’t Rush Challenge ganha versão de torcedoras do Santa Cruz

>> Pandemia do coronavírus atrasa resultado de auditoria externa no Santa Cruz

>> Presidente do Santa Cruz diz que gestão da CBF mostrou sensibilidade com os clubes

>> Preparador físico do Santa Cruz pede ao menos 15 dias de intertemporada

>> Memória: relembre o jogo que deu o título estadual de 1995 ao Santa Cruz na voz de Adilson Couto

>> Presidente do Santa Cruz comemora auxílio da CBF aos clubes da Série C: ‘É um valor interessante’

O JOGO

O Santa Cruz, de comando novo, tentava se recuperar após a demissão de Marcelo Martelotte. Porém, o primeiro tempo dos corais pareciam que não iria trazer algo diferente. Apático e sem poder ofensivo, dava brechas para o Ceará, que mandava no jogo. O Alvinegro foi criando boas chances até abrir o placar com o centroavante Rafael Costa, aos 22 minutos. O Tricolor ainda tentou reagir com Grafite em duas finalizações perigosas, mas que esbarraram no goleiro Éverson. Dali em diante, foi preciso um choque de realidade para a equipe acordar.

SEGUNDO TEMPO

A postura do Santa Cruz foi outra no começo da etapa final. Incisivo desde o começo do jogo, foi liderado pelo atacante Keno, que chamava a responsabilidade para si pelo lado esquerdo. Aos sete minutos, veio o empate. O atacante Wallyson recebeu um bolão de Grafite e driblou o goleiro, mas adiantou demais a bola. Porém, Keno estava atento na jogada e estava no lugar certo para empurrar para as redes. Com o tempo, o Ceará se ajustou e soube barrar as investidas do Mais Querido. Com ritmo baixo, a partida seguiu morosa até os 44, quando Lelê encontrou o artilheiro da noite livre pela esquerda. Keno recebeu em profundidade e já cortou para o meio. Quando se livrou do zagueiro, encheu o pé e marcou um golaço no Arruda. Vitória coral por 2 a 1, que sacramentou a classificação com novo triunfo em Fortaleza, por 1 a 0.

OUÇA OS GOLS NA VOZ DE AROLDO COSTA


FECHAR