publicidade
22/10/19
Diógenes Braga afirmou que o planejamento não pode parar. Foto: Léo Lemos/Náutico
Diógenes Braga afirmou que o planejamento não pode parar. Foto: Léo Lemos/Náutico

Vice-presidente do Náutico afirma que planejamento segue, apesar de eleição

22 / out
Publicado por Karoline Albuquerque em Náutico às 9:19

A reta final da temporada 2019 para o Náutico é fora de campo. Já com a vaga garantida na Série B do Campeonato Brasileiro do ano que vem e, de quebra, o título da Terceira Divisão, o clube está às vésperas da eleição para executivo e conselho. Mesmo assim, a gestão atual segue trabalhando um planejamento.

“O clube não pode parar, independentemente da eleição. O planejamento engloba muita coisa. A gente está colhendo a semente plantada em 2017, com o planejamento que se deu continuidade. Não se pode parar de 60 a 90 dias sem atividades do time por conta das eleições”, disse o vice-presidente alvirrubro Diógenes Braga, em entrevista à Rádio Jornal.

LEIA MAIS:

>Náutico planeja abrir 2020 com folha salarial de R$ 500 mil

>Náutico planeja campanha para melhorias nos Aflitos

>Atacante Álvaro conta história de vida e agradece a Dal Pozzo

Pensando no elenco que fica no clube para a próxima temporada, Diógenes acredita que não vai perder ninguém do time. Ele, porém, admitiu as procuras pelo atacante Thiago e o lateral-direito Hereda. Até Wagninho, reserva, foi sondado, algo que o vice-presidente achou interessante. “É um atleta que fez uma Copa São Paulo muito boa e chamou a atenção dos clubes maiores, com departamento de análise de desempenho muito bom”, afirmou o dirigente.

Por enquanto, Diógenes Braga garante que a montagem do elenco acontece paulatinamente com negociações “muito bem” encaminhadas. “Tem atletas que não anunciamos ainda, mas sabemos que está renovado. A gente já tem uma base muito boa para o ano que vem”, concluiu o alvirrubro.


FECHAR