publicidade
15/04/19
Anderson tem contrato com o Santa Cruz até o fim da temporada. Foto: Felipe Ribeiro/JC Imagem
Anderson tem contrato com o Santa Cruz até o fim da temporada. Foto: Felipe Ribeiro/JC Imagem

Executivo de futebol fala sobre situação de Anderson no Santa Cruz

15 / abr
Publicado por Klisman Gama em Notícias às 13:22

Se for possível destacar a maior surpresa do Santa Cruz neste começo de ano, não será muito difícil. Se trata do goleiro Anderson. O atleta de 21 anos, vindo do Palmeiras, tem mostrado em seu primeiro ano como profissional a sua qualidade, e o motivo de ter ganho confiança no clube paulista desde as categorias de base. No Tricolor, ele realizou 15 jogos e sofreu 14 gols. Além disso, teve atuações de destaque que o fizeram se tornar querido pelo torcedor. Desempenho contra o Ceará e CRB pela Copa do Nordeste e clássicos contra Náutico e Sport chamaram a atenção. Com contrato de empréstimo para o Mais Querido até o fim do ano, assim como o seu com o Palmeiras, sua permanência para 2020 já é pensada dentro do clube. Porém, sem pressa.

LEIA MAIS

> Pipico confirma propostas de Séries A e B, mas mantém foco no Santa Cruz

> Diretoria do Santa Cruz descarta dispensa de atletas antes da Série C

> Santa Cruz mostra bom desempenho em Copas na temporada

“Semana passada soou muito sobre o Anderson, que a gente não o procurou. Foi uma conotação totalmente errada, algo que não aconteceu. Ele tem contrato com o Palmeiras até o final do ano e conosco até o final do ano. A partir de julho ou agosto a gente vai poder assediá-lo de alguma forma com pré-contrato, para que seja em definitivo nosso em 2020. A gente tem um percentual no passe dele, caso haja uma venda dele hoje. O torcedor tem que ficar tranquilo, pois estamos no controle de tudo. O Tininho está atento e tem conversado com o Palmeiras. A gente só pede que o torcedor se aproxime e faça o que está fazendo”, comentou o executivo de futebol do Santa Cruz, Luciano Sorriso, em entrevista exclusiva para o repórter da Rádio Jornal, João Victor Amorim.

RETORNO FINANCEIRO

Devido ao seu bom rendimento, nada mais normal do que Anderson chamar a atenção de outros clubes do futebol nacional. Ou também de chegar um clube de divisão superior e, com maior aporte financeiro, levar o jogador que esteja emprestado por outro clube. Porém, sabendo da vitrine que o clube é, o Santa Cruz amarrou bem o contrato com o goleiro e Palmeiras. Caso o Verdão escolha negociar Anderson com outro clube enquanto seu contrato com o Tricolor estiver vigente, os pernambucanos recebem uma boa compensação financeira.

“A gente tem uma porcentagem que é algo que nos dá algo e retorno para o futuro. É em torno de 30% e 40%. A gente vai poder fazer algo posterior ao encerramento do contrato com o Palmeiras. A gente tem que respeitar o clube, que nos cedeu ele. Caso no futuro a gente tenha o Anderson 100% (em definitivo), vai ser muito bom para o Santa Cruz. Então a gente tem que pensar, hoje, em dar condições de continuar fazendo o que ele faz”, concluiu Sorriso.


FECHAR