publicidade
26/02/21
Kieza é um dos principais nomes do Náutico. Foto: Alexandre Gondim/JC Imagem
Kieza é um dos principais nomes do Náutico. Foto: Alexandre Gondim/JC Imagem

Com foco total no Campeonato Pernambucano, Náutico estreia neste sábado contra o Central

26 / fev
Publicado por Lourenço Gadêlha em Náutico às 21:03

A estreia oficial do Náutico no Campeonato Pernambucano 2021 acontece neste sábado (27), contra o Central, no estádio dos Aflitos, às 16h. Sem nenhuma competição para disputar neste início de ano, o foco total do Timbu é o estadual, uma vez que o certame é fundamental para garantir um calendário mais cheio em 2022 com participações na Copa do Brasil e na Copa do Nordeste. Para iniciar com o pé direito diante da Patativa, o técnico Hélio dos Anjos aposta no entrosamento da base do time que encerrou a temporada passada, já que do time titular, apenas o goleiro Anderson e o zagueiro Rafael Ribeiro deixaram o clube. Ou seja, todos os demais continuam, inclusive Jean Carlos e Kieza, destaques do Timbu.

Na visão do técnico, é preciso que os atletas tirem proveito das situações positivas que foram realizadas desde a sua chegada. Dessa forma, mesmo com apenas pouco mais de 15 dias de preparação, Hélio dos Anjos acredita que é possível apresentar já na estreia do Pernambucano um desempenho similar ao que foi apresentado na reta final da Segundona, quando o Náutico passou a jogar com mais intensidade e comprometimento dentro de campo.

“Quero que a gente assuma isso para o Campeonato Pernambucano. Desde já, no primeiro jogo, temos que fazer uma partida de imposição, baseado na nossa característica de boa intensidade. Já estamos em condições de exigir isso dos jogadores independente do desgaste da temporada passada e dos 15 dias de preparação. Os jogadores estão com saudade de jogo, de adrenalina, de estresse do futebol. Tudo isso é válido e queremos aproveitar para fazer uma grande estreia”, projetou.

LEIA MAIS:

>> Veja onde assistir Náutico x Central pelo Campeonato Pernambucano

>> Vice-presidente do Náutico elogia lateral-esquerdo Rafinha: “Contratação que agradou bastante”

>> Náutico anuncia retorno do volante Luiz Henrique, cria das categorias de base

>> Campeonato Pernambucano: FPF muda horário de jogos de Náutico, Santa Cruz e Sport

>> Giovanny demonstra otimismo para estreia do Náutico no Campeonato Pernambucano 2021

Mesmo com o calendário reduzido, o técnico avalia que o espaçamento entre os jogos é importante para treinar melhor a equipe em busca de condições que possam desenvolver, principalmente, os atletas mais jovens. “Quero aproveitar para treinar, trabalhar, condicionar meu grupo sempre para fazer bons jogos e acima de tudo criar um compromisso sempre muito grande com o Campeonato Pernambucano, porque vejo o estadual como uma competição de suma importância. Todo mundo sabe que só se conquista calendário no ano que vem se for bem no Pernambucano. Essa é nossa obrigação de fazer o clube ter calendário em 2022″, analisou Hélio dos Anjos.

Para iniciar a partida, o técnico não terá nenhum lateral-esquerdo de ofício à disposição. A tendência, portanto, é que o lateral-direito Bryan seja deslocado para atuar improvisado no setor. O volante Marciel, que é canhoto, e Thássio, lateral-direito oriundo das categorias de base, também disputam posição, mas conforme antecipou durante a semana, Hélio dos Anjos deve mesmo optar por Bryan, já que o atleta está mais acostumado a jogar na função e agradou nos treinamentos, inclusive, segundo as palavras do técnico, “atuando melhor na esquerda do que na sua posição original”.

Outra disputa que deve acontecer é no gol. Com a saída de Anderson no final da Série B, Jefferson retomou o posto de titular no empate em 1 a 1 contra o Botafogo-PB, em jogo-treino no último sábado. Porém, no mesmo dia, o Timbu anunciou a contratação do goleiro Alex Alves, ex- RB Bragantino. O atleta, inclusive, já foi regularizado e está à disposição para o duelo contra o Central. Pesa contra ele o longo período de inatividade, visto que não entra em campo desde novembro de 2019. Em entrevista coletiva, o técnico Hélio dos Anjos não antecipou quem será o titular da meta alvirrubra, mas demonstrou confiança no arqueiro de 33 anos mesmo após o longo período longe dos gramados.

“O Alex é um jogador com um histórico altamente positivo, um jogador muito bem preparado. Todos os profissionais que conversamos que trabalhou com ele nos passou as melhores informações no aspecto profissionalismo, liderança, imposição como goleiro. Ele está recebendo uma carga de treinamentos, mas é um jogador, acima de tudo, que chega para qualificar mais ainda o nosso elenco e criar situação de jogar. Não tenho preocupação dele não ter jogado em 2020. Tenho naturalmente esperança, confiança, porque é um jogador com potencial para nos ajudar bastante”, declarou.

ADVERSÁRIO

Enquanto isso, o Central chega para a partida diante do Náutico com a expectativa de fazer um bom Campeonato Pernambucano. Isso porque a Patativa caiu na primeira fase da Série D no ano passado e perdeu a vaga para a competição neste ano. Ou seja, da mesma forma que o Timbu, o estadual também é fundamental para o time centralino para ter um calendário mais longo em 2022. A equipe trocou praticamente todo elenco e comissão técnica, com a folha salarial caindo de R$ 120 mil em 2020 para R$ 60 mil em 2021.

O auxiliar Catende vai comandar o Central interinamente até a chegada de um novo técnico, uma vez que Nenê Vanucci, que foi contratado para dirigir o time no estadual, pediu demissão no último domingo e deixou a equipe. Apesar do elenco jovem, o time conta com goleiro Saulo, ex-Sport e Abc, e o meia Júnior Lemos, destaque da Patativa no vice-campeonato em 2018.

FICHA DO JOGO:

Náutico: Jefferson (Alex Alves), Hereda, Camutanga, Ronaldo Alves e Bryan; Rhaldney, Djavan (Marciel) e Jean Carlos; Vinicius, Erick e Kieza. Técnico: Hélio dos Anjos

Central: Murillo, Izael, Alex, Eduardo, Sena; Madson, Palacios, Djair e Júnior Lemos; Dodô e Darlison.Técnico: Catende

Local: Aflitos, Recife (Pernambuco)

Horário: 16h00

Árbitro: Rodrigo Pereira

Assistentes: Bruno Vieira e Daniele Andrade


FECHAR