publicidade
02/07/20
Foto: LAURENCE GRIFFITHS/POOL/AFP
Foto: LAURENCE GRIFFITHS/POOL/AFP

Já campeão, Liverpool é atropelado pelo Manchester City fora de casa

02 / jul
Publicado por Klisman Gama em Futebol Internacional às 19:23

O Manchester City, segundo colocado e campeão das duas temporadas anteriores, venceu o Liverpool por 4 a 0, campeão antecipadamente da Premier League 2019-2020 há uma semana, em uma partida que não tinha nada em jogo entre as duas melhores equipes inglesas nos últimos anos.

O duelo desta quinta-feira, pela 32ª rodada da Premier League, foi esvaziado pela conquista do Liverpool, que se sagrou campeão inglês pela primeira vez em trinta anos.

A estreia ostentando esse status não foi, no entanto, muito brilhante para os ‘Reds’, claramente superados no Etihad Stadium, onde os ‘Citizens’ venceram com gols do belga Kevin De Bruyne (25 minutos, de pênalti), Raheem Sterling (35), Phil Foden (45) e um gol contra de Alex Oxlade-Chamberlain no segundo tempo (66).

Após essa penalidade convertida por De Bruyne, Sterling conseguiu ampliar a vantagem no placar dez minutos depois, com um chute cruzado na área cercado por rivais após receber de Foden, que fez o terceiro quase no intervalo, cara a cara com o goleiro brasileiro Alison, depois de receber de De Bruyne.

Oxlade-Chamberlain marcou contra ao tentar afastar um chute de Sterling, no meio do segundo tempo.

O resultado representa um duro golpe para o Liverpool e dá aos ‘Citizens’ um certo alívio emocional e um leve gosto de revanche diante do time que tirou sua coroa do futebol inglês.

O Liverpool, no entanto, ainda tem uma enorme vantagem de 20 pontos sobre o City, o que mostra a grande superioridade mostrada nesta temporada, apesar desse deslize.

LEIA MAIS

>> Hakimi acerta transferência para a Inter de Milão

>> Há 10 anos, Uruguai voltava à semi de Copa com Suárez ‘goleiro’ e cavadinha de Loco Abreu

>> Promotoria francesa pede que Benzema seja processado

>> Chelsea perde para West Ham e vê United e Wolves encostarem na tabela

Tottenham decepciona

Mais cedo, o Tottenham, muito lento e sem ambição, foi derrotado por 3 a 1 pelo Sheffield United, o que reduz ainda mais suas chances de se classificar para a próxima Liga dos Campeões.

Com 45 pontos, o time comandado por José Mourinho é superado por seu adversário desta quinta (sétimo, com 47 pontos), quebrando assim uma série ruim de três empates e três derrotas desde que o torneio recomeçou.

Os ‘Spurs’ estão agora sete pontos atrás do Wolverhampton (6º) e do Manchester United (5º), o último virtualmente classificado  para as competições europeias.

Em relação à zona da Liga dos Campeões, o Tottenham, atual vice-campeão, perdeu uma grande oportunidade de voltar à luta, já que o Leicester (3º) e o Chelsea (4º) perderam na quarta-feira.

O Tottenham segue a 10 pontos do Leicester e a 9 do Chelsea, uma distância que parece muito importante no momento em que restam seis rodadas.

Sandor Berge (aos 31 minutos), Lys Mousset (69) e Oliver McBurnie (84) marcaram para o Sheffield, enquanto que para o Tottenham apenas Harry Kane conseguiu descontar nos últimos instantes (90).

Resultados da 32ª rodada da Premier League e classificação

Sábado

Aston Villa – Wolverhampton 0 – 1

Domingo

Watford – Southampton 1 – 3

Segunda-feira

Crystal Palace – Burnley 0 – 1

Terça-feira

Brighton – Manchester United 0 – 3

Quarta-feira

AFC Bournemouth – Newcastle 1 – 4

Arsenal – Norwich City 4 – 0

Everton – Leicester 2 – 1

West Ham – Chelsea 3 – 2

Quinta-feira

Sheffield United – Tottenham 3 – 1

Manchester City – Liverpool 4 – 0


FECHAR