publicidade
08/10/19
Técnico acertou sua permanência para a próxima temporada. Foto: Bobby Fabisak/JC Imagem
Técnico acertou sua permanência para a próxima temporada. Foto: Bobby Fabisak/JC Imagem

Náutico renova com técnico Gilmar Dal Pozzo até o fim de 2020

08 / out
Publicado por Klisman Gama em Náutico às 17:42

O Náutico anunciou, na tarde desta terça-feira (8), a renovação de contrato do técnico Gilmar Dal Pozzo. Aos 50 anos, ele está em sua segunda passagem pelo Alvirrubro e assinou novo acordo até o final de 2020. Campeão Brasileiro da Série C, o treinador conquistou, assim como o Timbu, o seu primeiro troféu nacional. Fundamental na arrancada rumo ao acesso e ao título, o comandante conseguiu ajustar a equipe e após um começo irregular na Terceirona. Além dele, o meia Jean Carlos e o atacante Matheus Carvalho também já tiveram seus contratos renovados para o mesmo período.

LEIA MAIS

>> Jefferson celebra título da Série C: “torcedor faz parte dessa conquista”

>> Opinião: a importante união do Náutico durante a Série C

>> Presidente do Náutico comemora título da Série C: “é a coroação”

>> Aflitos recebe o seu primeiro jogo entre todas as categorias da Seleção

Ao todo, Dal Pozzo esteve no comando do Náutico em 22 partidas nesta temporada, com 12 vitórias, seis empates e quatro derrotas. A sua passagem anterior pelo Alvirrubro aconteceu entre 2015 e 2016. No primeiro, bateu na trave pelo acesso à Primeira Divisão e acabou seguindo para o ano seguinte, quando foi demitido após eliminação na semifinal do Campeonato Pernambucano.

Escolhido para assumir o Náutico após a demissão de Márcio Goiano, o treinador ainda enfrentou um período de instabilidade com o elenco, oscilando entre jogos bons e ruins. O time ainda demorou um pouco a engrenar na competição. Mas quando conseguiu, ninguém mais parou o Alvirrubro.

No retorno para o Recife depois da conquista da Série C, Gilmar Dal Pozzo resolveu extravasar o momento de alegria. Deixou a serenidade de lado – que rendeu para ele o apelido de padre – e subiu no teto do ônibus do Náutico na chegada aos Aflitos. Ali pulou, gritou e puxou o “N-á-u-t-i-c-o” entre os torcedores presentes na Conselheiro Rosa e Silva.


FECHAR