ASSISTA

Vídeo mostra Fátima Bernardes revoltada após morte de Paulo Gustavo: “Não é possível sentir só tristeza nesse momento”

Vídeo mostra Fátima Bernardes revoltada após morte de Paulo Gustavo: “Não é possível sentir só tristeza nesse momento”

Fátima Bernardes se revolta após morte de Paulo Gustavo (Imagem: Reprodução)

Publicado em Notas 5/05/2021 às 3:04

A morte de Paulo Gustavo aconteceu nessa terça-feira (4), mesmo dia em que deu-se início a fase de depoimentos na CPI que investiga omissões no combate a Covid-19. O sentimento de tristeza juntou-se ao de indignação nas redes sociais. Fátima Bernardes, no Encontro desta quarta (5), fez um duro discurso sobre a situação do país na pandemia.

LEIA TAMBÉM
> Paulo Gustavo fez doações de oxigênio para Manaus, revela Susana Garcia
> Fábio Porchat chora ao falar sobre Paulo Gustavo: “Era a pessoa mais engraçada que eu vi na minha vida”

“Não adianta estar hoje você estar chorando pelo Paulo Gustavo ou pela morte de pessoas queridas e você vai pra rua sem máscara, aglomerar desnecessariamente. Não estamos falando do trabalhador no ônibus, nem no trem, mas das pessoas que estão fazendo festas clandestinas. Isso é um absurdo, isso é crime! Você está colaborando para esse número [de mortes] subir”, disse Fátima Bernardes.

Ainda no vídeo, ela dispara: “O que falta acontecer para que você saia de casa de máscara? O que falta para esse país distribuir máscaras para quem não tem condição de comprar? Não tem vacina, então que se distribua máscara!”.

Nas redes, diversos usuários se revoltaram com a situação no país. É que, no mesmo dia da morte de Paulo Gustavo, a CPI da Covid reascendeu a informação de que o Governo Federal recusou ou ignorou, no mínimo, 11 propostas de compra de vacinas.

“Não há mais o que esperar. Não estamos não só tristes, estamos indignados, estamos revoltados. É muito ruim quando a tristeza e a indignação se misturam à raiva, é um sentimento que eu não gostaria de estar sentindo nesse momento, queria estar dando vazão apenas à tristeza, mas infelizmente não é possível sentir só tristeza nesse momento”, finalizou Fátima Bernardes.

Após a morte de Paulo Gustavo, começaram a ser reveladas doações feitas pelo humorista, mantidas em segredo até então. Ele doou R$ 1,5 milhão a causas sociais, R$ 500 mil em oxigênio para ajudar na crise de Manaus e ajudou colegas financeiramente durante a pandemia.

Compartilhe
Publicado por
Augusto Tenório

Comentários