publicidade
21/abr
Thiago Lacerda e Julio Machado / Foto: Reprodução
Thiago Lacerda e Julio Machado / Foto: Reprodução

A trajetória de Tiradentes contada na TV e no cinema

Publicado por Gabriele Lima em Cinema às 10:00

Nesta sexta-feira (21) é celebrado o Dia de Tiradentes. A data homenageia a figura do alferes Joaquim José da Silva Xavier, popularmente conhecido como Tiradentes, graças à sua habilidade de tirar dentes. Considerado um grande líder por sua luta pelo povo e seus ideais, ele atuava na época do Brasil Colonial nas capitanias de Minas Gerais – onde nasceu – e do Rio de Janeiro.

Tiradentes foi reconhecido como herói e mártir da Inconfidência Mineira e justamente a data em que ele foi executado, 21 de abril, se transformou em feriado nacional. A história da sua vida já foi retratada na TV, na novela Liberdade, Liberdade, e estreou no cinema, na última quinta-feira (20), com o longa Joaquim.

Na TV, Thiago Lacerda deu vida ao mártir da Inconfidência Mineira / Foto: Reprodução

Na TV, Thiago Lacerda deu vida ao mártir da Inconfidência Mineira / Foto: Reprodução

Televisão – Liberdade, Liberdade 

Escrita por Mário Teixeira, a telenovela estreou na Rede Globo em abril de 2016, inspirada no livro Joaquina, Filha do Tiradentes, de Maria José de Queiroz. Na verdade, a trama é baseada na história fictícia sobre a filha de Tiradentes, interpretado por Thiago Lacerda. O elenco contou com Andreia Horta, Bruno Ferrari, Mateus Solano, Dalton Vigh, Lília Cabral, Maitê Proença, Marco Ricca, Nathalia Dill, entre outros.

“É a história de uma mulher que vive nesse período conturbado do País, em que o Brasil deixa de ser colônia e passa a ser capital da coroa portuguesa. É um período de revolução, do movimento da Inconfidência Mineira, e de outros movimentos que desembocaram na Independência do Brasil”, contou Mário Teixeira à época.

Cena do filme Joaquim / Foto: Reprodução

Cena do filme “Joaquim”, com Júlio Machado no papel principal / Foto: Reprodução

Cinema – Joaquim

O aclamado filme Joaquim estreou nos cinemas na última quinta-feira (20) e conta os fatos que levaram Joaquim José da Silva Xavier a se transformar no herói nacional e mártir que liderou o levante popular conhecido como Inconfidência Mineira.

Segundo seu realizador, o cineasta recifense Marcelo Gomes, não é um filme sobre Tiradentes. De fato, não é sobre o herói, mas sobre o homem anterior ao herói nacional: Joaquim, alferes que sonha em ser promovido a tenente e poder comprar a escrava Preta (Isabél Zuaa).

O longa tem coprodução luso-brasileira com a REC Produtores, do Brasil, e Ukbar Filme, de Portugal, além de associação com a Wanda Films, da Espanha, e produção assinada por João Vieira Jr.

Joaquim participou da seleção do Festival de Berlim e traz em seu elenco Júlio Machado, Isabél Zuaa, Nuno Lopes, Rômulo Braga e Welket Bungué. Confira o trailer:



PUBLICIDADE
FECHAR