publicidade
22/04/21
Ari Barros estava no Juventude antes de acertar com o Timbu. Foto:. Tiago Caldas/Náutico
Ari Barros estava no Juventude antes de acertar com o Timbu. Foto:. Tiago Caldas/Náutico

Executivo de futebol do Náutico, Ari Barros admite sondagem do Grêmio

22 / abr
Publicado por Davi Saboya em Náutico às 19:25

Em rápido contato com Jornal do Commercio e Blog do Torcedor, o executivo de futebol do Náutico, Ari Barros, confirmou que recebeu uma sondagem do Grêmio. Segundo o dirigente, não aconteceu nada mais que conversas embrionárias. Mesmo assim, ele ressaltou que está feliz e satisfeito com o trabalho que tem feito no Timbu.

Em reformulação após eliminação na Libertadores e saída do técnico Renato Gaúcho, o clube do Rio Grande do Sul busca um diretor remunerado no mercado. Ainda existe a alterativa de promover algum profissional do atual quadro do time.

Se, de fato, quiser contratar o executivo de futebol do Náutico, o Grêmio não deve encontrar empecilho. Segundo apurou a reportagem, assim que recebeu o contato do clube, Ari Barros comunicou o vice-presidente de futebol Diógenes Braga.

LEIA MAIS

> De saída para o Londrina, Náutico acerta rescisão com o atacante Salatiel

> Após Náutico confirmar vaga na Copa do Brasil, Hélio diz: “Continuar trabalhando para conquistas maiores”

> Náutico garante liderança do Pernambucano e vaga na Copa do Brasil de 2022

Apesar disso, Ari deixou claro que nada altera, no momento, a metodologia de trabalho no clube alvirrubro. Uma possível proposta é tratada nos bastidores do Timbu como irrecusável por se tratar de um time de ponta da Série A do Campeonato Brasileiro.

Ari Barros ganhou projeção nacional após duas temporadas de êxito como executivo de futebol do Juventude. Lá, conseguiu dois acessos seguidos e deixou o time gaúcho na Série A, depois do acesso na última Segundona.

Aos 42 anos, o diretor remunerado é natural de Campina Grande, na Paraíba. Antes de entrar no mundo da gestão esportiva, ele foi zagueiro e, inclusive, foi revelado pelo Náutico.

Em quase três meses de trabalho no clube alvirrubro, Ari Barros já protagonizou negociações importantes em prol do Timbu. Foram elas: o empréstimo de Carlão em troca da contratação de Yago Silva, o acerto com Wagner Leonardo e o fim do vínculo com Salatiel, que ainda pode gerar uma compensação financeira no futuro.


FECHAR