publicidade
05/04/21
Jair Ventura sofreu muita pressão por conta dos maus resultados. Foto: Alexandre Gondim/JC Imagem
Jair Ventura sofreu muita pressão por conta dos maus resultados. Foto: Alexandre Gondim/JC Imagem

Diretor do Sport explica saída de Jair Ventura: “Resultados nos deixaram numa situação delicada”

05 / abr
Publicado por Lourenço Gadêlha em Notícias às 13:16

Após a saída de Jair Ventura do comando técnico do Sport, o diretor de futebol do clube, Augusto Caldas, concedeu entrevista na manhã desta segunda-feira (5) a repórter Lilian Fonseca, da Rádio Jornal, e explicou os motivos que levaram a diretoria a demitir o treinador. Um dos principais responsáveis por garantir a permanência do Sport na Série A, ele deixa o clube pouco mais de um mês após renovar o contrato até o fim da temporada 2021. De acordo com o dirigente, a sequência de resultados negativos foram determinantes para à queda de Ventura, que vinha sendo avaliado há um tempo.

“Os resultados por si só nos deixaram numa situação muito desagradável, delicada. Fomos eliminados de forma muito precoce, apesar daquele jogo absurdo, contra a Juazeirense. Fomos eliminados da Copa do Nordeste depois desse jogo contra o Ceará, com essa goleada vexatória que nós levamos, além de ter sido goleado antes pelo Bahia também. Tudo isso entra na balança. A avaliação da saída de Jair não é feita em apenas um jogo. É feito durante um período. Infelizmente, a gente imaginou que o planejamento com Jair iria um pouco mais para frente, mas o futebol é assim e as vezes nos prega surpresa”, afirmou.

No último sábado, o Leão sofreu uma goleada por 4×0 para o Ceará, na Ilha do Retiro, que culminou na eliminação precoce do Leão na Copa do Nordeste. Antes, também caiu na primeira fase da Copa do Brasil após derrota por 3×2 para a Juazeirense em jogo que tinha a vantagem do empate. Além das duas eliminações, o Sport venceu apenas dois jogos na atual temporada, sendo uma pelo Campeonato Pernambucano (Vera Cruz, na estreia) e outra pelo torneio regional (Santa Cruz, na 6ª rodada). Ao todo, são nove jogos, com duas vitórias, três empates e quatro derrotas.

LEIA MAIS:

Jair tem culpa, claro! Mas parcela da direção é alta pelo vexame do Sport na temporada

Após demissão do técnico Jair Ventura, torcida do Sport critica diretoria e planejamento

Confira algumas opções de técnicos disponíveis no mercado para o Sport

Após demissão, Jair Ventura agradeceu período à frente do Sport e lembrou dificuldades

Na visão de Augusto Caldas, os jogadores não estavam respondendo dentro de campo aos comandos do técnico Jair Ventura e, por isso, a diretoria decidiu pela troca após reunião na noite desse domingo (4). “Nós temos respeito e admiração muito grande pelo Jair Ventura, que enquanto esteve conosco, trabalhou de forma dura, com muito afinco, sempre procurando o melhor. Porém, há momentos que as coisas começam a não acontecer e isso não é somente no resultado. Na verdade, o resultado é o reflexo. Acontecem coisas em função, talvez, do time não está assimilando mais a proposta do que Jair gostaria de implementar”, disse.

NOVO TÉCNICO

Após confirmar a saída do técnico Jair Ventura, o presidente licenciado do clube, Milton Bivar, revelou ao repórter Antônio Gabriel, da Rádio Jornal, que o Leão procura um treinador mais experiente, que possa colocar em prática um futebol mais ofensivo, diferente do que fazia o agora ex-técnico. Entre os nomes cotados, Dorival Júnior surgiu como o favorito para a atual gestão rubro-negra. Entretanto, sem revelar nomes, Augusto Caldas pregou cautela na hora de ir ao mercado. É válido ressaltar que o Sport tem eleições marcadas para acontecer na próxima sexta-feira (9).

“A gente teve que tomar uma decisão (demitir Jair). Vida que segue. Tenho certeza que Jair Ventura vai se encaixar rapidamente, porque é muito competente. O clube a partir de agora começa a procurar treinadores que se encaixem no perfil e no planejamento que a gente traçou. Sem muita pressa, vamos tratar a contratação desse novo treinador para a gente também não querer acelerar e acabar errando. A gente tem que ir com muita cautela para tentar ser o máximo assertivo”, finalizou Caldas.


FECHAR