publicidade
02/12/20
AG náutico guarani gol kieza 6
AG náutico guarani gol kieza 6

Golaço de Kieza na vitória sobre o Guarani repercute nas redes sociais: ‘O homem disparou’

02 / dez
Publicado por Lourenço Gadêlha em Náutico às 16:41

O golaço marcado por Kieza selou a vitória por 2 a 0 sobre o Guarani nessa terça-feira e fechou com chave de ouro o resultado da partida, aliviando também o peso das costas do Timbu, que não vencia há oito jogos. O gol de placa foi marcado aos 23 minutos do segundo tempo, quando o atacante aproveitou a sobra de bola após uma cobrança de escanteio do Bugre na área alvirrubra. O camisa 9 disparou do campo de defesa em direção ao ataque, onde percorreu mais de 30 metros para driblar o goleiro e um zagueiro do adversário e ampliar o placar. Vitória, alívio e grande repercussão nas redes sociais. 

LEIA MAIS:

>> Kieza destaca alívio por Náutico voltar a vencer na Série B, mas ressalta luta contra Z4

>> Aguerrido, Náutico alia desempenho ao resultado e volta a vencer na Série B, diante do Guarani

>> Ouça os gols da vitória do Náutico nas ondas da Rádio Jornal

>> Confira a vitória do Náutico nas lentes da JC Imagem

Isso porque no Twitter, torcedores do Náutico e internautas elogiaram bastante o gol marcado pelo atacante Kieza. Inclusive, muitos deles relembraram um jingle que popularizou durante a campanha eleitoral de 2020, da banda Vilões do Forró e o vaqueiro Karkará, denominada ‘O homem disparou’. Na visão dos torcedores, a música reflete a disparada do artilheiro de antes do meio-campo para fazer o belo gol. 

Kieza chegou aos seis gols marcados na Série B do Campeonato Brasileiro. De quebra, ajudou a quebrar a série negativa do alvirrubro. Por outro lado, também pôs fim a sequência invicta do adversário, que não perdia há quatro jogos na competição. Agora, o Timbu volta a campo no próximo domingo contra o Figueirense, às 18h30, no Orlando Scapelli. O jogo é mais uma decisão de vida ou morte, tanto para o alvirrubro, quanto para o alvinegro, tendo em vista que ambos estão na zona de rebaixamento em 17º e 18º, respectivamente.

 


FECHAR