publicidade
27/11/20
Foto: Rodrigo Rossi/Estadão Conteúdo
Foto: Rodrigo Rossi/Estadão Conteúdo

Náutico visa equilíbrio defensivo e competitividade contra Juventude, melhor ataque da Série B

27 / nov
Publicado por Klisman Gama em Náutico às 20:20

O Náutico tem, diante do Juventude, uma árdua missão para tentar pontuar na Série B. No atual momento da equipe, no Z4 da competição, o Timbu tem a segunda pior defesa do campeonato, com 31 gols sofridos, e encara o melhor ataque, do Alviverde, que tem 36 tentos feitos. O duelo deste sábado (28), às 21h, no estádio Alfredo Jaconi, em Caxias do Sul-RS, redobra a atenção à marcação. Talvez com a possibilidade de montar um time mais precavido, compacto, para diminuir as possibilidades dos donos da casa de balançar as redes. Porém, sem abdicar de atacar, já que o Náutico precisa voltar a vencer o quanto antes.

“Eu só quero que os jogadores doem para mim o que eles deram em campo (contra o Vitória). Se tivermos o nível de competitividade que mostramos, não iremos vender barato uma derrota. Não vamos ser um time que vai viver no jogo de imposição do adversário. O Juventude tem uma qualidade muito boa e vem de um trabalho que está sendo realizado desde o campeonato regional. É um time que está na disputa das quatro vagas, na parte de cima da tabela, mas eu não vejo superioridade muito grande de quem está lá na frente para quem está aqui (zona de rebaixamento)”, afirmou o técnico Hélio dos Anjos.

LEIA MAIS

>> Náutico quer repetir bom segundo tempo contra Vitória diante do Juventude

>> Náutico: garagem de remo consegue validação para se tornar ‘imóvel especial de preservação

>> Hélio dos Anjos mira reforços e cobra comprometimento ao elenco do Náutico para se “fechar”

>> Náutico: treinador elogia estreia de Anderson e diz que goleiro é “acima da média”

>> Zagueiros não renovarão com o Náutico e deixam o clube no fim do mês

O time alvirrubro passará por mudanças no meio e ataque, enquanto a linha defensiva permanece a mesma. Anderson, com boa estreia, seguirá no gol, e Kevyn deve receber sequência na lateral esquerda. Na cabeça de área, o treinador gostou do poder de marcação de Rhaldney e Djavan, e possivelmente reforçará esse setor com Matheus Trindade. Isso porque Hélio havia ressaltado o interesse em um time mais forte fisicamente e competitivo. Assim, a quarta vaga no meio será disputada entre Jean Carlos e Ruy.

Na frente, pela boa participação na quarta-feira (25), Erick é o mais provável de ser o parceiro de ataque de Kieza. Seguem de fora do time os volantes Jhonnatan e Bustamante, além dos atacantes Vinícius e Dudu. Álvaro, que sentiu dores no joelho no último jogo, não tem lesão, mas será poupado. Ao menos para o banco de reservas há o retorno de Paiva, livre das dores na coxa. Para o jogo diante do Juventude, a atuação no segundo tempo contra o Leão baiano é o espelho para conseguir um resultado positivo fora de casa.

“Eu não vejo meu time disputando um jogo como fizemos (diante do Vitória) e sendo inferior a alguém. Acho que é tudo uma questão de encaixe e desse gol acontecer. O equilíbrio ofensivo não pode se sobrepor totalmente ao equilíbrio defensivo para jogar fora de casa. Temos algumas coisas a fazer e eu acredito que ganhei alguns jogadores hoje. Poderíamos estar ganhando em treino para colocar nos jogos, mas eu estou os conhecendo muito mais nos jogos que nos treinos. O Djavan e o próprio (Matheus) Trindade nos ofereceram a chance de ter um meio-campo do jeito que eu gosto. Eu não gostei da competitividade do meu meio-campo contra o CRB. Não gostei mesmo. E para jogos como esse contra o Juventude, vamos precisar de muita competitividade”, acrescentou.

Juventude

Os gaúchos vêm de derrota para o América-MG na última rodada e querem se recuperar para seguir no G4 por mais uma rodada. Para encarar o Timbu, dois desfalques são certos. O zagueiro Ney Bareiro e o lateral-esquerdo Helder cumprem suspensão. Por outro lado, nas mesmas posições deles, retornam Wellington e Eltinho, que devem entrar no time titular. Do meio para frente, a tendência é que a base escalada seja mantida para o confronto.

Ficha do jogo

Juventude

Marcelo Carré; Igor, Genilson, Wellington e Eltinho; João Paulo, Gustavo Bochecha e Renato Cajá; Capixaba, Rafael Silva e Rafael Grampola. Técnico: Pintado.

Náutico

Anderson; Hereda, Camutanga, Ronaldo Alves e Kevyn; Rhaldney, Djavan, Matheus Trindade e Jean Carlos (Ruy); Erick e Kieza. Técnico: Hélio dos Anjos.

Local: Estádio Alfredo Jaconi, em Caxias do Sul-RS. Horário: 21h. Árbitro: André Rodrigo Rocha (TO). Assistentes: Cipriano da Silva Sousa e Natal da Silva Ramos (ambos TO).


FECHAR