publicidade
27/11/20
Garagem do remo do Náutico é um dos grandes patrimônios do Alvirrubro. Foto: Google Street View / Reprodução
Garagem do remo do Náutico é um dos grandes patrimônios do Alvirrubro. Foto: Google Street View / Reprodução

Náutico: garagem de remo consegue validação para se tornar ‘imóvel especial de preservação’

27 / nov
Publicado por Blog do Torcedor em Náutico às 13:30

Uma boa notícia para o torcedor do Náutico. Nesta sexta-feira, a histórica garagem de remo do clube foi classificada como imóvel especial de preservação pela Prefeitura do Recife. A classificação ocorreu pelo Conselho de Desenvolvimento Urbano da Capital. Desta forma, a sede de remo do Timbu, localizada na Rua da Aurora, no centro do Recife, não pode sofrer mudanças estruturais e, além disso, também mudar de finalidade.

Essa classificação na garagem de remo aconteceu a partir de conversas entre o executivo do Náutico, o Conselho Deliberativo do Timbu e a Câmara de Vereadores do Recife, responsável pelo pontapé inicial no processo. “A garagem de remo faz parte da história do clube e possui um imenso valor histórico para todos os alvirrubros. É muito importante este tipo de classificação por parte da Prefeitura do Recife. É mais uma etapa vencida”, afirma o presidente Edno Melo.

Por meio de nota, o presidente do Conselho Deliberativo do Náutico, Alexandre Carneiro, comemorou a nova classificação e, além disso, também destacou a importância do remo para o clube e também para a cidade do Recife. “O remo do Náutico é testemunha da história de Recife e nos cumpre a obrigação de preservá-lo de forma a honrar a memória do nosso povo e manter o interesse vivo sobre o esporte náutico que ajudou a transformar nossa cidade e trouxe tantas alegrias para a população”, explicou.

“O amor ao esporte fez com que surgissem, há mais de 100 anos, clubes de relevância inestimável para os recifenses. Desse esporte nasceu o Clube Náutico Capibaribe. Enquadrar a sede de remo do CNC como imóvel especial de preservação é uma atitude de compromisso não apenas com o passado, mas também com o futuro”, completou Alexandre Carneiro, presidente do Conselho Deliberativo.

LEIA MAIS

Hélio dos Anjos mira reforços e cobra comprometimento ao elenco do Náutico para se “fechar”

Batalha dos Aflitos, entre Náutico e Grêmio, completa 15 anos

Nos últimos anos, a garagem de remo do Náutico acabou sendo alvo de algumas penhoras por conta de débitos do clube com credores, chegando até na iminência de leilões – em que o Timbu vinha conseguindo evitar. Com essa nova classificação, a tendência é de que isso não ocorra mais. O laudo apresentado pelo Instituto do Patrimônio Histórico e Artístico Nacional (IPHAN), destaca a importância do imóvel para a realização da prática do remo, já que o clube tem história no seguimento.

Em 2019, a sede dos Aflitos recebeu essa mesma classificação por parte da Prefeitura do Recife. Essas ações, inclusive, ajudam na preservação do patrimônio, na tentativa de evitar penhoras e possíveis leilões. “A nossa gestão tem como premissa pensar o clube a longo prazo, visando o hoje e também o amanhã. O zelo e o cuidado com o patrimônio do clube é fundamental. Essa é mais uma conquista do Náutico e de todos que fazem o clube. Cada passo é importante para que possamos ser fortes e garantir o futuro”, comemora o vice-presidente alvirrubro, Diógenes Braga.


FECHAR