publicidade
26/11/20
Estádio do Napoli se chama atualmente San Paolo. Foto: AFP
Estádio do Napoli se chama atualmente San Paolo. Foto: AFP

Prefeito de Nápoles propõe trocar nome do estádio local para ‘Maradona’

26 / nov
Publicado por Davi Saboya em Notícias às 11:33

AFP – O prefeito de Nápoles, Luigo de Magistris, propôs que o estádio San Paolo, no sul da Itália, seja rebatizado como Diego Maradona, em homenagem ao ex-jogador argentino que faleceu nessa quarta-feira.

“Vamos mudar o nome do Estádio San Paolo para Diego Armando Maradona !!!”, escreveu De Magistris no Twitter.

“Morreu Diego Armando Maradona, o melhor jogador de futebol de todos os tempos. Diego fez sonhar o nosso povo, redimiu Nápoles com sua genialidade. Em 2017 tornou-se nosso cidadão de honra. Diego, napolitano e argentino, vocês no deu alegria e felicidade! Nápoles te ama!”, havia publicado mais cedo o prefeito na rede social.

O estádio napolitano foi iluminado nesta quarta-feira em homenagem ao ex-jogador que atuou durante a década de 1980.

LEIA MAIS

> ‘Maradona mudou a minha vida’, diz ex-atacante do Santa Cruz

> “Estamos muito tristes”, diz Zidane sobre morte de Maradona

> Maradona era ‘sensacional’, afirma Klopp

> Papa Francisco lembra de Maradona “com afeto” e diz rezar por ele

> Velório de Maradona será na Casa Rosada, em Buenos Aires, nesta quinta-feira

> Maurício de Sousa presta homenagem a Maradona

> Comentarista argentino fala sobre perda de Maradona

> Estrelas do futebol feminino também se despedem de Maradona

> Maradona e Galeano: o ídolo argentino na descrição perfeita do escritor uruguaio

> Messi, Neymar e Cristiano Ronaldo prestam homenagem a Maradona

Para celebrar a memória do ídolo argentino, que faleceu nesta quarta por insuficiência cardíaca, aos 60 anos, alguns torcedores foram até a casa onde Maradona viveu na cidade italiana.

A história de Maradona com o Napoli começou em 1984 e até hoje tem sido uma relação incondicional. A estrela argentina jogou pelo clube local entre 1984 e 1991, uma fase apaixonante marcada por sua recepção, na qual 70.000 torcedores foram ao estádio local para dar as boas-vindas, e pela conquista de dois campeonatos italianos (1987 e 1990) e da Copa da Uefa de 1989.

O Napoli enfrentará o croata Rijeka na quinta-feira, no Estádio San Paolo, em partida válida pela Liga Europa.


FECHAR