publicidade
25/11/20
Foto: AFP
Foto: AFP

Atlético de Madrid precisa vencer Lokomotiv para se aproximar das oitavas da Champions

25 / nov
Publicado por Karoline Albuquerque em Futebol Internacional às 10:49

Da AFP – O Atlético de Madrid recebe o Lokomotiv de Moscou nesta quarta-feira (25, 17h, pelo horário de Brasília) no Wanda Metropolitano em busca dos três pontos que lhe permitiriam colocar um pé nas oitavas de final da Liga dos Campeões.

Os ‘rojiblancos’ são segundos do grupo A com quatro pontos, cinco atrás do líder, o poderoso Bayern de Munique, que acumula três vitórias em três jogos antes de enfrentar o Salzburg no mesmo dia.

LEIA MAIS:

>Sevilla garante vaga nas oitavas da Liga dos Campeões ao vencer Krasnodar

>Chelsea vence Rennes e passa às oitavas da Liga dos Campeões

>‘Sabemos que vamos sofrer’ em Milão, diz Zidane

Uma vitória levará o Atlético à segunda posição da chave com cinco pontos de vantagem sobre o Lokomotiv, terceiro colocado, com seis pontos em disputa após esta quarta rodada do torneio continental.

“É um jogo importante com um adversário que trabalha bem taticamente, com um bom jogo de contra-ataque”, disse o técnico do time madrilenho, Diego Simeone, nesta terça-feira (24).

“Teremos que estar atentos para tentar atacar. Na Rússia estivemos bem, mas sem concretizar as chances. Será um jogo difícil. É um adversário que trabalha bem e não dá espaço”, acrescentou.

A equipe de Diego Simeone enfrenta este teste crucial com a moral nas alturas após a vitória no sábado sobre o Barcelona (1×0) na Liga espanhola, o que levou o time ao segundo lugar no campeonato espanhol a três pontos do líder, a Real Sociedad.

“Estamos crescendo como equipe no que diz respeito a saber quando temos que jogar e quando temos que defender ou pressionar. A partir dos resultados, podemos ver um Atlético de alto nível”, analisou Koke após a vitória. Se ele entrar na quarta-feira vai completar seu 100º jogo em torneios europeus pelo Atlético de Madrid. A equipe segue invicta em LaLiga e acumula seis vitórias e um empate nos últimos sete jogos.

Sem Luis Suárez

‘El Cholo’ não vai poder contar com os uruguaios Luis Suárez e Lucas Torreira, que devem ficar de quarentena por terem testado positivo para covid-19, depois de se concentrar com suas seleções nas datas Fifa.

A estes dois desfalques se somam o do lesionado Héctor Herrera, com problemas na coxa esquerda, e Manu Sánchez, além de Sime Vrsaljko, que continua se recuperando de uma intervenção no joelho esquerdo.

Na tentativa de manter a boa sequência, o treinador ‘rojiblanco’ deve contar mais uma vez com o jovem português João Félix, maestro do time  ‘colchonero’ neste início de temporada.

O jovem português marcou 7 gols em 11 jogos oficiais, além de ter dado três assistências, e é um dos jogadores que mais desestabilizam da equipe madrilenha.

Nesta quarta-feira, ele provavelmente terá a companhia no ataque do hispano-brasileiro Diego Costa para tentar marcar gols no Lokomotiv, que ainda tem chances em um dos grupos mais fortes do torneio.

Uma vitória permitiria aos russos tirar do Atlético o segundo lugar no grupo. No dia 3 de novembro, em Moscou, os times empataram em 1×1.

“Não foi um resultado ruim. Se jogarmos 20, 30 ou 50% melhor do jogamos na nossa partida em Moscou, podemos vencer e sair com um bom resultado”, disse o técnico do Lokomotiv, Marko Nikolic, nesta terça-feira.

O Lokomotiv chega a Madri mais animado depois de vencer o Arsenal Tula por 1×0 no campeonato russo, encerrando uma sequência de três derrotas consecutivas, que o colocam na 8ª posição da tabela.

Equipes prováveis:

Atlético de Madrid: Oblak – Trippier, Savić, Giménez, Lodi – Correa, Koke, Kondogbia, Saúl – Joao Felix, Diego Costa. Técnico: Diego Simeone (ARG)

Lokomotiv de Moscou: Guilherme – Zhivoglyadov, Corluka, Murilo, Rybus – Rybchinskii, Krychowiak, Kulikov, Miranchuk – Éder, Zé Luís. Técnico: Marko Nikolic (SRB)

Árbitro: Slavko Vincic (SLO)


FECHAR