publicidade
20/10/20
Lucas Drubscky concedeu entrevista à Rádio Jornal. Foto: Anderson Stevens/Sport
Lucas Drubscky concedeu entrevista à Rádio Jornal. Foto: Anderson Stevens/Sport

“A gente ainda tem uma lacuna de centroavante”, diz executivo de futebol do Sport

20 / out
Publicado por Lucas Holanda em Notícias às 15:11

Com dois centroavantes no elenco, o Sport ainda busca o terceiro. Em entrevista ao programa Fórum Esportivo, da Rádio Jornal, que tem apresentação do comentarista Maciel Júnior, o executivo de futebol do Sport, Lucas Drubscky, afirmou que o Rubro-Negro está com essa lacuna no setor, já que os atacantes Elton e Ronaldo deixaram o Leão durante a Série A, e apenas o prata da casa Mikael foi contratado como reposição para a posição – o planejamento feito no início do ano previa três atletas nesta função. Vale lembrar que, no momento, o Sport está proibido de inscrever novos jogadores por conta de uma punição da Fifa.

“A gente está mais preocupado com a questão da reposição. A gente teve algumas perdas durante a competição. Pela forma que a gente estabeleceu o elenco no começo da temporada, a gente ainda tem uma lacuna de centroavante. Tínhamos três, que eram Hernane, Elton e Ronaldo. Perdemos Ronaldo e Elton, trouxemos Mikael e estamos com essa lacuna”, afirmou Lucas Drubscky, que completa destacando a dificuldade de achar jogadores dessa função no mercado.

“Outro detalhe que é importante para o torcedor é a dificuldade no mercado. A gente até brinca na diretoria que dinheiro não é nem o que está faltando. A gente vê muitos players com o dinheiro mas com a falta desse atleta que encaixe naquilo que você quer. Só para ficar nesse exemplo do 9, que é o que todo mundo tá querendo, e cada vez se acha menos nomes para essa posição”, afirmou o executivo leonino.

Ainda de acordo com o executivo, o Sport procurou o atacante Felipe Vizeu, jogadores que acabou fechando com o Ceará. Porém, por questões financeiras, a negociação não evoluiu. “A gente chegou a trocar algumas conversas com o empresário. Foi uma conversa boa, mas acabou que dentro das tratativas e depois do acerto com o Ceará, ele foi por um valor mais do que o dobro que a gente ofereceu. A gente bate com esses dois grandes empecilhos hoje. A falta daquele atleta que a gente acredite que vá ser um bom ativo para nós e também o recurso (para concorrer com o mercado)”, afirmou.

No episódio dessa semana do na Cara do Gol, podcast da Rádio Jornal sobre o futebol pernambucano, os problemas do Sport foram debatidos por Alexandre Costa, Aroldo Costa, Lilian Fonsêca e Marcos Leandro. O programa é transmitido ao vivo no YouTube da Rádio Jornal toda segunda-feira, a partir das 15h15.

 

Leia mais

Sport precisa estancar queda e reagir na Série A do Campeonato Brasileiro

Jair Ventura reitera confiança no elenco do Sport na disputa do Brasileirão

CONTRATAÇÕES DENTRO DAS POSSIBILIDADES

Ainda de acordo com o executivo Lucas Drubscky, o Sport pode reforçar o elenco para o restante da Série A. Porém, só vai ter como fazer isso dentro de suas condições, como vem sendo feito até aqui. A política de austeridade financeira, aliás, vem sendo a marca da gestão Milton Bivar, que tem como principal meta entregar o clube em melhores condições do que quando assumiu. “Dentro das nossas possibilidades. É complexo a gente falar que o Sport tem x em caixa para gastar em contratação e aumentar a folha. Claro que a gente sabe internamente esses números”, afirmou Drubscky, que completa reforçando o discurso de pés no chão.

“A gente debate com a nossa diretoria de futebol e com o nosso presidente, que é muito ativo no departamento de futebol, e isso ajuda muito. A gente começou a gestão em 2019 com o presidente batendo na tecla da austeridade e não dar um passo maior que a perna, que eu acho uma atitude certíssima. E temos colhidos bons resultados desde então. Fomos campeões pernambucanos em 2019 e conseguimos o acesso, onde até poderíamos ter saído com o título também. Esse ano a gente enfrentou algumas dificuldades, que foram agravadas pela pandemia, mas a gente tem conseguido fazer uma Série A muito acima do que a maioria esperava que o Sport fazer. Então acho que essa maneira cuidadosa de gerir os recursos do clube vem dando certo. Tendo condições de entrar no escopo que o clube pode oferecer, temos condições de qualificar, sim”, finalizou.

Com 20 pontos ganhos, o Sport é o 11º da Série A. O próximo compromisso do Rubro-Negro é no sábado (24), diante do Atlético-MG, no estádio do Mineirão. Veja o que Jair Ventura falou sobre o Atlético-MG pelo DAZN.


FECHAR