publicidade
13/10/20
Náutico estreou o novo uniforme número um. Foto: Felipe Ribeiro/JC Imagem
Náutico estreou o novo uniforme número um. Foto: Felipe Ribeiro/JC Imagem

Veja quem o Náutico precisa secar para não entrar na zona de rebaixamento da Série B nesta rodada

13 / out
Publicado por Lucas Holanda em Náutico às 14:07

A situação do Náutico na Série B é crítica. Sem vencer há seis jogos e sem marcar um gol há cinco, o Timbu pode entrar na zona de rebaixamento da competição nesta rodada. Se o pior dos cenários acontecer, o Alvirrubro pode virar vice-lanterna do torneio. Com 15 pontos, o Alvirrubro é o 15º. No entanto, três times têm 14 pontos e podem ultrapassar o Náutico caso vençam ou empatem. Além deles, o Cruzeiro, com 12 pontos, também pode deixar o Timbu para trás caso triunfe. Confira quem o Alvirrubro precisa secar para não cair para a zona de rebaixamento nesta rodada.

LEIA MAIS

Auxiliar admite oscilação do Náutico na derrota diante da Ponte Preta

Artilheiro do Náutico, Jean Carlos fala sobre seca de gols da equipe na Série B

Náutico perde nos Aflitos para Ponte Preta e completa seis jogos sem vencer na Série B

GUARANI

A primeira secada da rodada começa nesta terça-feira, às 21h30. O primeiro rival que o Náutico seca é o Guarani, que recebe o Cuiabá-MT, líder da competição. Se o clube paulista vencer, vai aos 17 pontos e passa o Alvirrubro. Se empatar, fica com a mesma pontuação do Timbu, mas ultrapassa por conta do número de gols marcados. No momento, o Guarani é o 18º. Porém, mesmo que o Bugre empate ou vença, o Náutico não entra na zona de rebaixamento nesta terça, mas fica em 16º.

BOTAFOGO-SP

Na sexta-feira, a secada é em cima do Botafogo-SP, que até a publicação desta matéria é o 16º – podendo ser ultrapassado pelo Guarani em caso de vitória ou empate do Bugre. Se vencer o América-MG, o Botafogo, que no momento tem 14 pontos, também ultrapassa o Náutico. Em caso de empate, também deixa o Timbu para trás, por conta do número de vitórias. Portanto, no pior dos cenários, o Alvirrubro pode entrar na zona de rebaixamento na próxima sexta-feira, caso o clube paulista, que joga como mandante, vença ou empate com os mineiros – e, claro, o Guarani também faça a mesma coisa diante do Cuiabá.

CRUZEIRO

Na sexta, também é a vez de secar o Cruzeiro, vice-lanterna e que recebe o Juventude. Com 12 pontos ganhos até aqui, o time mineiro passa o Náutico em caso de vitória, pois teria um triunfo a mais do que o Timbu. No entanto, o Náutico só entra na zona de rebaixamento com a vitória da Raposa se ela acontecer combinada com empate/triunfo de Botafogo ou Guarani.

FIGUEIRENSE

No sábado, é a vez de secar o Figueirense, que visita o Brasil de Pelotas. Com 14 pontos, a equipe alvinegra é a 17ª da competição. Se vencer, ultrapassa o Timbu. Caso empate, também fica na frente pelo critério de saldo de gols. Portanto, é mais um clube que o Náutico precisa secar, além dos outros três – sobretudo Guarani e Botafogo. Se essa dupla perder, o Timbu só entra na zona de rebaixamento caso o Figueirense perca ou empate e, além disso, o Cruzeiro vença o Juventude.

RESUMO

Náutico entra na zona de rebaixamento se duas dessas combinações acontecerem;

Caso Guarani e Botafogo sejam derrotados, Náutico só entra na zona de rebaixamento se o Cruzeiro vencer e o Figueirense triunfar ou empatar;

Náutico entra na zona de rebaixamento caso Guarani ou Botafogo vençam ou empatem, e Cruzeiro vença;


FECHAR