publicidade
09/07/20
Faltam cinco datas para o fim do Campeonato Pernambucano. Foto: Leo Motta/JC Imagem
Faltam cinco datas para o fim do Campeonato Pernambucano. Foto: Leo Motta/JC Imagem

Estadual volta no dia 19 de julho com finais na Arena de Pernambuco

09 / jul
Publicado por Karoline Albuquerque em Náutico às 17:45

Adiado duas vezes, o retorno do futebol foi autorizado pelo Governo de Pernambuco nesta quinta-feira (9), recomeçando no dia 19 de julho, um domingo. O anúncio foi feito pelo secretário estadual de Turismo e Lazer Rodrigo Novaes, em entrevista coletiva. A principal novidade é a disputa das finais da competição na Arena de Pernambuco, para facilitar o isolamento do ambiente e evitar aglomerações.

A decisão aconteceu após reunião entre os órgãos do estado e a Federação Pernambucana de Futebol (FPF). As partidas oficiais foram interrompidas em solo pernambucano no dia 15 de março, por causa da pandemia do novo coronavírus. Pernambuco totaliza, até esta quinta, 68.767 casos de covid-19, desde o início da pandemia, com 5.409 mortes.

LEIA MAIS:

>Náutico consegue suspender leilão da sede na Rosa e Silva

>Bivar diz que dívidas a curto prazo do Sport não chegam a R$ 145 milhões: “bem menor do que isso”

>Alírio Moraes aceita compor o pleno do TJD e deixará presidência do conselho deliberativo do Santa Cruz

“A volta do futebol profissional em Pernambuco com uma série de medidas, restrições, protocolo rígido para assegurar o que é primordial, fundamental no plano de convivência com a covid, a saúde das pessoas, envolvendo delegações, equipes, imprensa, colaboradores que deverão estar presentes no campo”, disse Novaes. Será permitido, no máximo, 100 pessoas nos estádios, seguindo o protocolo de espaçamento e distanciamento.

Depois da rodada do dia 19, os jogos do mata-mata vão acontecer nos dias 21 e 29 de julho e 2 e 5 de agosto.  São quartas e semifinais só com ida e a grande decisão com jogos de ida e volta. Na 9ª rodada, Sport e Santa Cruz fazem um Clássico das Multidões. O Náutico encara o Salgueiro, fora de casa. Os outros jogos são entre Afogados x Vitória, Decisão x Central e Retrô x Petrolina.

“Nas finais, por se tornar mais simples no que diz respeito isolamento arredores, para evitar qualquer tipo aglomeração durante, acontecerão na Arena de Pernambuco, que é justamente porque fica mais distante e não é sede de nenhum clube, facilitando isolamento do espaço”, emendou o secretário.

Quando o Campeonato Pernambucano parou, o Santa Cruz liderava, com 22 pontos, seguido pelo Salgueiro, com 16, já classificados direto para as semifinais. Retrô e Náutico vinham depois, ambos com 12 pontos, com vantagem para a Fênix. Em seguida está o Sport, com 11 pontos, em 5º, e o Afogados é o último dentro da zona de classificação para as quartas de final, com 10 pontos. Na parte de baixo, Central, Petrolina, Decisão e Vitória vão lutar contra o rebaixamento. A Patativa do Agreste é a única que ainda pode se classificar para o mata-mata, por ter 10 pontos.

“A gente firmou um termo de compromisso com a FPF e tudo isso foi traçado, conversado, dialogado com Evandro Carvalho e a gente espera, portanto, que as coisas acontecem dentro da normalidade seguindo o protocolo. Haverá fiscalização para cumprimento tendo em vista a saúda dos atletas. O protocolo será anunciado imediatamente, tudo que deverá ser seguido dentro da normalidade. Sem torcida”, completou Rodrigo Novaes.

A Confederação Brasileira de Futebol (CBF) pretende iniciar os Campeonatos Brasileiros das Séries A e B nos dias 9 e 8 de agosto, respectivamente. A entidade também já fixou data para a volta da Copa do Nordeste, com sede em Salvador, para o dia 21 deste mês. O que vai chocar as datas para os clubes pernambucanos.

No regional, o Grupo A tem o Fortaleza como líder, com 14 pontos, mesma pontuação do Bahia, vice. O Sport está na mesma chave com 9, na 5º colocação, empatado com o ABC, último dentro do grupo de classificação para as quartas de final. No Grupo B, um empate também no topo, com Confiança e Vitória, 1º e 2º colocados, respectivamente, somando 13 pontos. O terceiro é o Náutico, com 11 pontos, igual ao Ceará. O Santa Cruz ocupa o 5º lugar, com 10 pontos.


FECHAR