publicidade
29/06/20
Arena de Pernambuco vai se adequando aos protocolos de saúde para receber as partidas do Estadual. Foto: Arnaldo Carvalho/JC Imagem
Arena de Pernambuco vai se adequando aos protocolos de saúde para receber as partidas do Estadual. Foto: Arnaldo Carvalho/JC Imagem

Arena de Pernambuco vai se adequando aos protocolos para volta dos campeonatos

29 / jun
Publicado por Klisman Gama em Afogados da Ingazeira às 21:43

A Arena de Pernambuco foi escolhida pela Federação Pernambucana de Futebol (FPF) para receber todos os jogos da fase final do Campeonato Pernambucano. A última rodada, entretanto, ainda será realizada nos estádios onde já estavam marcados. Com isso, o equipamento localizado em São Lourenço da Mata vem se preparando e estruturando para quando chegar a hora desta utilização. Além de já ter adiantado algumas questões e aproveitado ações que foram feitas em campeonatos na Europa, a direção da Arena de Pernambuco vê o local como preparado para quando for acionado.

LEIA MAIS

>> Evandro Carvalho garante retorno do Pernambucano no início de julho

>> Governo deve responder sugestão para recomeço do Pernambucano nesta terça

>> Médico do Sport explica situação do goleiro Luan Polli após afastamento

>> Náutico aposta em mudança tática para a volta dos jogos

>> Central anuncia volta aos treinos para o Campeonato Pernambucano e Série D

>> Santa Cruz questiona protocolo da FPF que prevê fase final do Estadual apenas na Arena de Pernambuco

“Dá para realizar os jogos com tranquilidade, porque a na Arena temos quatro vestiários bem amplos, realmente preparados. O Governo do Estado está produzindo o protocolo em conjunto também com a Secretaria de Saúde, para poder passar regras de higienização em relação a esse período da pandemia. A própria FPF lançou seu protocolo semana passada e a gente já está adiantando na Arena, vendo alguns protocolos internacionais. Vimos alguns protocolos usados também na La Liga, vendo algumas que já estavam acontecendo e adiantamos alguns detalhes”, comentou o diretor-presidente da Arena de Pernambuco, Kléber Borges, em entrevista à Rádio Jornal.

Contando com quatro vestiários, o estádio pode utilizá-los na totalidade, sendo dois para cada equipe. A ideia é de concentrar um menor número de pessoas em um mesmo local, diminuindo assim os riscos de contaminação. Além de separar os locais onde os jogadores se vestem, a área de massagem que teve o número de macas reduzidos – antes eram quatro, agora serão só duas. Da mesma forma que itens de higiene, como água, sabão e álcool 70% que estarão disponíveis sempre que for preciso.

A Arena de Pernambuco receberá os dois jogos das quartas de final, os dois da semifinal e mais dois da final do Campeonato Pernambucano, totalizando seis partidas. De acordo com Kléber Borges, o local ainda poderá abrigar mais de um confronto no mesmo dia, caso seja necessário. A equipe de limpeza está reforçada no intuito de garantir um ambiente seguro para que tudo ocorra da melhor maneira possível.

“Sobre ter dois jogos no mesmo dia, não teria problema. Temos uma equipe de limpeza e de organização junto com a competição, que deverá trazer para poder organizar da melhor maneira possível e conseguir abraçar as competições que venham a chegar para a Arena, como o Campeonato Pernambucano e a Copa do Nordeste (caso Recife seja escolhido pela CBF para sediar o Regional)”, completou.


FECHAR