publicidade
22/03/20
Lee Duffy precisou receber oxigênio. Foto: Reprodução/Internet
Lee Duffy precisou receber oxigênio. Foto: Reprodução/Internet

“Não respirava mais sozinho”, diz atacante irlandês que pegou Covid-19

22 / mar
Publicado por Karoline Albuquerque em Futebol Internacional às 21:06

Recuperado após contrair o novo coronavírus, o atacante irlandês Lee Duffy passou oito dias internado no hospital por causa da doença. O jogador do Newry City, time da segunda divisão da Irlanda do Norte, relatou neste sábado (21), principalmente, a dificuldade de respirar e a necessidade constante de receber oxigênio.

“Eu não conseguia mais respirar sozinho, estava com medo por não saber o que ia acontecer”, relembrou o atacante, de 28 anos, em seu perfil no Twitter. Em seguida, Duffy alertou sobre o vírus. “Meu conselho é que não levem isso desleixadamente, é algo muito sério”, emendou o jogador.

LEIA MAIS:

>Seleção brasileira feminina se reúne com comissão por videoconferência

>Náutico, Sport e Santa Cruz terão mais tempo para pagar dívidas com a União

>Começam a ser construídos leitos no combate ao coronavírus no Pacaembu

Ex-time de Duffy, o Warrenpoint, da primeira divisão do país, emitiu uma nota desejando a melhora do jogador. O clube destacou que o novo coronavírus afeta pessoas de todas as idades.

“Por sorte, eu consegui superar isso e estou começando e me sentir bem melhor agora, “completou o atleta da Irlanda do Norte.


FECHAR