publicidade
07/02/20
Djavan tem 24 anos e é volante. (Foto: Caio Falcão/Náutico)
Djavan tem 24 anos e é volante. (Foto: Caio Falcão/Náutico)

Náutico anuncia a contratação do volante Djavan

07 / fev
Publicado por Pedro Alves em Náutico às 16:08

Agora é oficial. Na tarde desta sexta-feira (7), o Náutico anunciou o volante Djavan que estava no Botafogo-PB. O Timbu assinou com o novo contratado por dois anos e terá o 50% dos direitos econômicos do jogador, sem desembolsar nenhuma quantia pela liberação do atleta de 24 anos.

A informação foi confirmada ainda pela manhã pelo presidente do Botafogo-PB e por Gilmar Dal Pozzo, em entrevista coletiva. Djavan disputou a Série B do ano passado pelo Cuiabá. O jogador despertou o interesse do Náutico ainda em dezembro do ano passado, quando o clube pernambucano iniciou as tratativas para a contratação. No primeiro momento, o Botafogo-PB não tinha intenção de liberar o jogador sem o pagamento da multa contratual e tentou estender o vínculo do volante com o clube até o final de 2021, mas a proposta não foi aceita pelo jogador, que tinha a intenção de se transferir para o Timbu.

Em entrevista ao site oficial do Náutico, Djavan agradeceu a oportunidade de defender as cores alvirrubras e que vai se doar ao máximo pelo clube. “Estou muito feliz e só tenho a agradecer por essa oportunidade. Sei da grandeza do Náutico e espero fazer um grande trabalho neste clube. Estava treinando no Botafogo/PB e estou bem. Vou procurar dar o meu melhor quando o professor precisar. O Djavan que o torcedor vai conhecer é um jogar aguerrido, que gosta de se doar ao máximo em treinos e jogos”, disse o novo jogador do Náutico.

Sem conseguir ampliar o contrato de Djavan e correndo o risco de perder o jogador de graça, já que ele já poderia assinar pré-contrato com qualquer clube, o Botafogo-PB resolveu liberar o atleta para o Náutico, mantendo 50% dos direitos econômicos, visando a possibilidade de lucrar em negociações futuras. Revelado no próprio time paraibano, o volante também já atuou pelo ABC, Mirassol, Boa Esporte, além do Cuiabá.


FECHAR