publicidade
06/02/20
Sport chegou a vencer o jogo por 2x0 até os 41 minutos do segundo tempo. Foto: Alexandre Gondim/JC Imagem
Sport chegou a vencer o jogo por 2x0 até os 41 minutos do segundo tempo. Foto: Alexandre Gondim/JC Imagem

Sport sai na frente, vacila no segundo tempo e empata com Imperatriz pela Copa do Nordeste

06 / fev
Publicado por Davi Saboya em Notícias às 22:06

Com força máxima, Sport conseguiu sair na frente no placar no primeiro tempo e pareceu encaminhar a vitória tranquila. Mas o cenário foi completamente diferente. Depois da expulsão do lateral-esquerdo Sander, o Leão sofreu dois gols e ficou no empate por 2×2 diante do Imperatriz, nesta quinta-feira, em partida válida pela terceira rodada da Copa do Nordeste. Os gols da partida foram marcados por Elton, Jean Patrick e Cesinha (2x). Este foi o quinto empate em sete jogos na temporada.

Com o resultado, o Sport somou mais um ponto e pulou para a liderança temporária do Grupo A do Nordestão com cinco pontos. O restante da rodada acontece durante este final de semana. O próximo compromissão do Leão será pelo Estadual. Domingo, visita o Decisão, em Caruaru, Agreste de Pernambuco, pela quarta rodada. Em sete jogos na temporada, o Sport empatou cinco.

VEJA COMO FOI SPORT 2X2 IMPERATRIZ

O JOGO

A partida começou bastante truncadano meio-campo, mas nas primeiras oportunidades o Sport foi fatal e não demorou para encontrar o caminho do gol. Logo nos primeiros minutos, o atacante Barcia recebeu cruzamento pelo lado esquerdo e bateu errado na bola. Porém, aos 16, o centroavante Elton mostrou o “farol de gol” e mandou para o fundo da rede. Pelo lado esquerdo, recebeu o passe dentro da grande área, dominou e bateu no canto do goleiro Waldson.

Sem sofrer ameaça do adversário, o Sport buscou controlar a posse de bola e tentar rodar os jogos pelo lado, além do meio-campo. Só que por dentro o Leão seguiu com a mesma deficência dos demais jogos dessa temporada. Com isso, a principal saída do time rubro-negro continuou pelos lados. Ainda mais, porque sem um meia origem feito o argentino Lucas Mugni, o técnico abriu dois atacantes pelas pontas e deixou outros dois mais centralizados.

Ao contrário das outras partidas deste ano, Sport tentou jogar pelo meio-campo. O grande problema desta vez foi a precipitação na hora do último passe. Além disso, também distribuiu mais as jogadas. Os laterais Raul Prata e Sander avançaram bastante até a linha de fundo em busca das triangulações com os volantes Willian Farias e João Igor junto com os atacantes Marquinhos e Yan.

LEIA TAMBÉM

> Sport comete engano e toca hino do Náutico na Ilha do Retiro

> Lucas Mugni já com filho Felipe nos braços

> Opinião: Sport precisa resolver com urgência seu problema de comunicação

> “Foi força de expressão”, diz Evandro Carvalho após sugerir que policiais atirassem em membros da organizada

No segundo tempo, o Imperatriz começou melhor que o Sport. Atrás no placar, o Cavalo de Aço não pensou duas vezes em pressionar os donos da casa. Para não sofrer o empate, o Leão tentou responder. E quase consegue ampliar em um chute de Yan após saída errada do goleiro Waldson. Mas a melhor chance foi da equipe maranhense. Numa bola alçada na grande área, o zagueiro Renan Dutra subiu mais alto que a defesa leonina e acertou em cheio o travessão na cabeçada.

Sem abaixar a guarda, o Imperatriz não mostrou uma boa pontaria. Já o Sport queria segurar o jogo no campo de ataque. Mas se livra muito rápido e tentava acelrar o jogo quando não tinha necessidade. Tanto que o técnico Guto Ferreira tirou o atacante Marquinhos e colocou o volante Jean Patrick na tentativa de ganhar o meio-campo. E a estrela do treinador brilhou rapidamente.

Aos 33, após a cobrança do escanteio, a bola sobrou para Jean Patrick, livre na pequena área, chutar para o gol e ampliar o resultado para a tranquilidade do Leão na partida. No entanto, os últimos minutos não foram tranquilos. O lateral-esquerdo Sander fez uma falta na lateral do campo, levou o segundo cartão amarelo e foi expulso. Tudo que o Imperatriz queria para começar o famoso abafa. O que deu certo.

Em dois minutos, o Cavalo de Aço conseguiu o empate. Aos 41, em boa troca de passes na entrada da grande área, o atacante Cesinha bateu no canto do goleiro Luan Polli e diminuiu o placar. E, aos 43, o golpe no Leão. O goleiro Luan Polli saiu errado no cruzamento e a bola sobrou de novo para Cesinha bater com força e empatar a partida. Os rubro-negros ainda buscaram a vitória nos últimos minutos, mas não teve jeito.

FICHA DO JOGO – SPORT 2X2 IMPERATRIZ

Sport – Luan Polli; Raul Prata, Adryelson, Cleberson (Chico) e Sander; Willian Farias e João Igor; Marquinhos (Jean Prtcik), Yan (Ewandro), Barcia e Elton. Técnico: Guto Ferreira.

Imperatriz – Waldson; Hudson, Alyson (Tiago Tomais), Renan Dutra e Wesley; Adriano Bispo, Du Santos e Breno; Lucas Campos (Cesinha), Kariri (Nonato) e Joelson. Técnico: Paulinho Kobayashi.

Local: Ilha do Retiro, Recife-PE. Árbitro: Diego da Silva Castro (PI). Assistentes: Mauro Cezar Evangelista de Sousa e Márcio Iglésias Araújo Silva (ambos do PI). Gols: Elton aos 16 minutos do 1º tempo e Jean Patrick aos 33′ do segundo tempo. Cartões amarelos: Sander, Luan Polli e Barcia (Sport). Kariri, Breno e Joelson (Imperatriz). Cartão vermelho: Sander (Sport). Público: 4.054 torcedores. Renda: R$ 64.550,00


FECHAR