publicidade
23/01/20
Torcedor alvirrubro sonha com o título da Copa do Nordeste. Foto: Reprodução/TV Jornal
Torcedor alvirrubro sonha com o título da Copa do Nordeste. Foto: Reprodução/TV Jornal

Alvirrubros anseiam por título inédito do Náutico na Copa do Nordeste

23 / jan
Publicado por Fernando Castro em Náutico às 12:01

Por Túlio Feitosa

O TV Jornal Meio-Dia produziu uma série de reportagens sobre as expectativas do torcedor pernambucano para a Copa do Nordeste 2020. O alvirrubro Mateus Petit, de 22 anos, que acompanhou o Náutico nos jogos contra o Ceará e Botafogo-PB, na Copa do Nordeste de 2019, também viu o Timbu ser campeão da Série C em São Luiz do Maranhão. O Timbu estreia na competição nesta quinta-feira, contra o River-PI, nos Aflitos.

“Felicidade aqui, não falta. Eu torço para o Náutico, fica à vontade!”. Assim fomos recebido no bairro de Boa Viagem, Zona Sul do Recife, na casa de Mateus. O estudante de Engenharia é torcedor do Timbu desde que recebeu a primeira roupa com o escudo do clube alvirrubro, aos seis meses de idade. “O amor pelo Náutico só foi aumentando”, acrescentou Mateus.

LEIA MAIS

>Contra o River-PI, Náutico inicia trajetória em busca do inédito título da Copa do Nordeste

>Gilmar Dal Pozzo confirma reestreia de Ronaldo Alves no Náutico

>Náutico deve ter desfalques para a estreia na Copa do Nordeste

O estudante esteve presente em três partidas importantes do Timbu fora do estado no ano passado. Na Copa do Nordeste, viu Náutico bater o Ceará na Arena Castelão, em Fortaleza-CE, e cair para o Belo, em João Pessoa-PB. Apesar da derrota ainda amargar as memórias do torcedor alvirrubro, as expectativas este ano é para que a orelhuda inédita da Copa do Nordeste esteja na sala de troféus dos Aflitos. “O jogo estava indo para os pênaltis já, eu estava muito confiante. Mas levar aquele gol no final…”, relembrou Mateus. “Otimista que esse ano, agora, vai ser melhor para a gente”, completou.

Mesmo estando presente na última eliminação do Timbu na Copa do Nordeste, Mateus prefere se agarrar à sua lembrança mais recente: o título de Campeão Brasileiro da Série C. Viagem essa que custou até um relacionamento para ele. “Era aniversário da minha ex-namorada no dia, e mesmo assim eu fui para o Maranhão. Porventura acabamos terminando o relacionamento, mas é o Náutico acima de tudo”, contou o torcedor.

O anseio agora é que o Náutico entre em campo para a Copa do Nordeste 2020 da mesma forma que entrou na final da Série C. Com fome de título.

QUIZ


FECHAR