publicidade
15/01/20
Goleiro chegou ao Recife no último domingo e começou a treinar nesta terça (15) com o elenco. Foto: Diego Borges/JC
Goleiro chegou ao Recife no último domingo e começou a treinar nesta terça (15) com o elenco. Foto: Diego Borges/JC

Tiago Cardoso e mais dois zagueiros se apresentam ao Santa Cruz

15 / jan
Publicado por Klisman Gama em Notícias às 10:27

O Santa Cruz voltou a realizar trabalhos físicos após o amistoso da última segunda-feira (13), onde empatou em 0 a 0 com o Campinense, em Campina Grande. Como novidade na movimentação, a presença do goleiro Tiago Cardoso, que chegou ao Recife no domingo (12), além do zagueiro Denilson, vindo do Grêmio, e mais um defensor para testes. 

LEIA MAIS

>> Santa Cruz é guerreiro, mas perde do São Paulo e está fora da Copa São Paulo

>> Confira a tabela completa da primeira fase da Copa do Nordeste 2020

>> Confira o calendário do Santa Cruz na Copa do Nordeste 2020

>> Mesmo confirmado pelo Santa Cruz, Vinícius deve acertar com clube grego

Tiago retornou ao Santa Cruz após três temporadas longe. Com um currículo histórico no Tricolor, conquistou sete títulos entre 2011 e 2016. Um deles foi o mais importante dos 105 anos do clube, a Copa do Nordeste de 2016. Agora, aos 35 anos e com contrato firmado até o fim da Série C, ele volta para brigar pela posição na meta. Por ter chegado depois dos demais, deve correr atrás do “tempo perdido” para ficar apto fisicamente.

Denilson, de 24 anos, chegou com acordo também até o fim da Terceira Divisão e veio livre de contrato. Desta forma, se torna um ativo do Santa Cruz a partir de agora. O defensor atuou na equipe Sub-23 do Grêmio e não foi aproveitado na equipe profissional.

PARA TESTES

Uma novidade no Arruda foi a presença do zagueiro Célio Santos, de 32 anos. O jogador chegou para testes no Santa Cruz e pode integrar o elenco se tiver uma boa avaliação. Ele passou boa parte da carreira atuando em clubes do exterior, passando por equipes de Portugal, China, Coréia do Sul, Ucrânia, Romênia, Moldávia, Irã, Emirados Árabes Unidos e Tailândia, onde jogou por último. Desde 2018 sem atuar, pode retomar a carreira no Tricolor. No Brasil, passou por Ferroviária-SP, Ponte Preta e Avaí, este em 2016. 


FECHAR