publicidade
10/01/20
Cantillo (E) é o novo reforço do clube. Duílio (D) pediu desculpas em seguida. Foto: Reprodução/Twitter @Corinthians
Cantillo (E) é o novo reforço do clube. Duílio (D) pediu desculpas em seguida. Foto: Reprodução/Twitter @Corinthians

Diretor do Corinthians “proíbe” reforço de usar camisa 24 e depois se desculpa

10 / jan
Publicado por Karoline Albuquerque em Notícias às 19:40

Associado ao veado por causa do jogo do bicho no Brasil, o número 24 é pouco visto no futebol nacional, já que o animal é usado pejorativamente para designar homens homossexuais. “Esquecido” nos clubes brasileiros, o número causou polêmica no Corinthians nesta sexta-feira (10), durante a apresentação do volante colombiano Victor Cantillo, quando um diretor do clube rejeitou o uso da numeração.

Acontece que Cantillo estava no Junior Barranquilla e, na Colômbia, usava o número 24 na camisa. No entanto, usará a camisa 8 no clube paulista. “24 aqui não”, disse o diretor de futebol Duílio Monteiro Alves, em tom jocoso.

LEIA MAIS:

>CBF detalha jogos de Sport, Náutico, Santa Cruz e Afogados na Copa do Brasil

>Clubes pernambucanos não terão que pagar taxa de arbitragem, nem VAR

>Em nota, Sport repudia insultos homofóbicos a goleiro da base

O jogador comentou sobre o número durante a entrevista coletiva e disse que foi avisado que não poderia usar a 24. “Mas número não importa, vou dar o meu melhor, espero ajudar bem o Corinthians”, minimizou Cantillo.

Após o comentário, durante esta tarde, o diretor Duílio publicou um vídeo em sua conta pessoal no Instagram pedindo desculpas. Ele destacou também as campanhas do clube contra “qualquer tipo de preconceito”. “Quero me desculpar pela brincadeira infeliz e informal que fiz. O Corinthians é o time do povo, das minorias, de todos e sempre usa sua marca a favor de campanhas contra qualquer tipo de preconceito. Não temos nenhum problema com o número 24”, disse.

Duílio também relembrou que o goleiro Cássio usou o número na campanha do Corinthians na Libertadores 2012. “Fomos campeões invictos na Libertadores e nosso goleiro Cássio, um dos maiores ídolos da nossa história, usou essa camisa. Cantillo usará a 8 em homenagem a Freddy Rincón”, completou.


FECHAR