publicidade
03/01/20
Jogador perdeu espaço no Timbu após lesão no joelho. Foto: Léo Lemos/Náutico
Jogador perdeu espaço no Timbu após lesão no joelho. Foto: Léo Lemos/Náutico

Odilávio não se reapresenta ao Náutico e clube leva o caso para o jurídico

03 / jan
Publicado por Fernando Castro em Náutico às 20:34

Emprestado ao Figueirense até o final do ano passado, o atacante Odilávio era aguardado para retornar ao Náutico, mas não se apresentou ao clube neste início de ano. Com um pré-contrato assinado com o jogador para a temporada, a diretoria alvirrubra levou o caso para o departamento jurídico do clube, que tenta tomar as providências cabíveis relacionadas ao atleta.

Ao final do empréstimo com o Figueirense, tanto o clube catarinense quanto Odilávio manifestaram interesse em renovar o contrato de empréstimo. O Náutico concordou em emprestar novamente o atacante até o final da temporada, contanto que o jogador estendesse o vínculo com o time pernambucano. No entanto, de acordo com a diretoria alvirrubra, o empresário de Odilávio informou que o jogador não tinha interesse em renovar o contrato com o Timbu.

LEIA MAIS

>Falha na numeração de atacante do Náutico, na Copa São Paulo, revolta torcida

>Diretoria do Náutico enxerga dificuldade na negociação por Kieza

>Erick e Halls treinam com bola no Náutico

POSICIONAMENTO

Sem um resguardo de um novo contrato, para lucrar em uma possível negociação futura, caso o atleta se destacasse pelo Figueirense, o Náutico encerrou as negociações para um novo empréstimo. Ao mesmo tempo, o clube catarinense se posicionou que, sem um acordo com o Timbu, Odilávio não ficaria no clube.

“Não chegamos a um acordo e o Figueirense nos posicionou que sem um acordo com o Náutico o atleta também não ficaria no clube. Como tínhamos um pré-contrato válido para o ano de 2020 assinado pelo atleta, que não se apresentou, a gente passou o caso para o jurídico e o departamento está cuidando do assunto”, explicou o executivo de futebol Ítalo Rodrigues.


FECHAR