publicidade
30/12/19
Neto_marciocunha_ACF
Neto_marciocunha_ACF

Depois de anunciar aposentadoria, Neto será dirigente da Chapecoense

30 / dez
Publicado por Luana Ponsoni em Futebol nacional às 15:05

Depois de anunciar aposentadoria dos gramados no último dia 17, o ex-zagueiro Neto, da Chapecoense, passará a exercer a função de dirigente de futebol no clube. A função específica ainda não foi definida, mas ele terá o papel de fazer a aproximação entre os jogadores e demais dirigentes. O ex-defensor decidiu parar de jogar em razão das dores físicas com as quais passou a conviver depois do acidente com o avião da Lamia, em 2016. Neto foi um dos seis sobreviventes do desastre que matou 71 pessoas, entre as quais quase toda a delegação do time catarinense.

LEIA MAIS

Ex-goleiro Jackson Follmann é campeão de reality show de música

Chapecoense é rebaixada pela primeira vez no Brasileirão

Sobreviventes da tragédia da Chapecoense tentam voltar à vida normal

Para ajudar Neto a se ambientar na nova função, a Chapecoense vai custear alguns cursos para o ex-jogador. Ele tem contrato com a Chapecoense até o final de 2020 e, inclusive, já trabalha nos bastidores do clube, mas só deverá ser anunciado oficialmente na primeira semana de janeiro.

MOTIVAÇÃO

“O meu corpo não aguentava mais. As dores eram maiores que o prazer. Conversei com os médicos. Aparentemente, no dia-a-dia não tinha dores, mas nos treinos em alto nível o corpo não aguentava. Foi o que mais me entristeceu”, disse Neto, quando anunciou a sua aposentadoria dos gramados.

 

 


FECHAR