publicidade
23/11/19
Atacante é o artilheiro do Sport. Foto: Bobby Fabisak/ JC Imagem
Atacante é o artilheiro do Sport. Foto: Bobby Fabisak/ JC Imagem

Guilherme perto de dar adeus ao Sport

23 / nov
Publicado por Karoline Albuquerque em Notícias às 8:24

O acesso do Sport à Série A do Campeonato Brasileiro passou bastante pelos pés do atacante Guilherme. O jogador dividiu, por boa parte da temporada, o posto de artilheiro com o centroavante Hernane Brocador. A lesão do companheiro de ataque abriu espaço para que o camisa 11 tomasse para si a “chuteira de ouro” do Leão, marcando inclusive os tentos da partida que garantiu a vaga na elite nacional, na virada por 2×1 sobre a Ponte Preta, na última quarta-feira. Mas, a hora de dar tchau à torcida rubro-negra está muito perto.

O diretor de futebol Nelo Campos confirmou que o clube recebeu uma proposta oficial de um time do Japão pelo jogador. E, por mais que o Sport desejasse manter o atacante, os valores tratados estão fora da realidade de muitas equipes nacionais, de acordo com o dirigente rubro-negro. “Já estão em andamento algumas documentações. É uma proposta oficial que poucos clubes no Brasil poderiam entrar na negociação”, disse.

LEIA MAIS:

>Elton se torna jogador com mais acessos após subir com o Sport

>Opinião: mesmo com melhor orçamento em 2020, Sport precisa manter política de contenção

>Advogado revela que ação contra Juninho será arquivada

Por causa dos problemas financeiros que o Sport enfrentou em 2019, Nelo Campos afirma que é preciso manter os pés no chão e trabalhar em 2020 da mesma forma, fazendo o que por possível. “O Sport, infelizmente, não tem condição. Temos que pensar também a situação de Guilherme. Caso a negociação se concretize, é uma boa para ele. Desejar boa sorte”, emendou o diretor.

O rubro-negro, porém, mantém a esperança, caso a transação não seja firmada. “Caso ele resolva ficar no Brasil, vamos brigar para que ele tenha um 2020 maravilhoso conosco no Sport. O Sport não vai jogar a toalha por nenhum atleta que tenha interesse até que cada contrato esteja registrado e assinado”, destacou Nelo Campos.

Apesar da negociação já estar em curso, o jogador quer deixar a decisão da mudança para depois. Guilherme admitiu que ainda não conversou com a direção do Sport. Agora, porém, ele quer descansar com a família em Campinas (SP), onde mora. “Deixar 2020 nas mãos de Papai do céu. Deixar com meus empresários e ver o que tem de bom. Têm umas possibilidades não só lá (no Japão), mas alguns outros lugares. Mas eu vou descansar e no final de dezembro, tomo uma decisão”, disse o atacante.

Apesar de ter desconversado, o tom do atleta já é de despedida. Guilherme destacou que hoje se considera um torcedor do Leão e ressaltou a rápida adaptação ao clube. “A torcida me abraçou de uma forma que não senti nos clubes anteriores. Tive algo parecido no Botafogo, mas aqui foi além. Claro que se eu ficar seria muito gratificante. Mas se não ficar também, deixo claro que o Sport ganhou mais um torcedor e onde estiver vou torcer sempre pelo Sport”, completou o atacante rubro-negro.

Por enquanto, Guilherme vai ficar secando os rivais na briga pela artilharia do Campeonato Brasileiro da Série B. E celebra seu momento com o clube pernambucano. Ele admite que não imaginava uma temporada como foi. “Indiscutivelmente o melhor ano da minha carreira. Artilheiro do Campeonato que ainda não acabou, ainda tenho que dar uma secada nos outros, mas vai ser um ano que vai ficar marcado na minha carreira”, concluiu o jogador.

Afinal, o ano de trabalho para ele acabou, já que cumpre suspensão no jogo do Sport contra o Atlético-GO, pela 38ª rodada da Série B. Resta a ele torcer para que Fábio (Oeste), Léo Ceará (CRB), Zé Roberto (São Bento) e Roger (Ponte Preta) não marquem três gols na derradeira rodada.


FECHAR