publicidade
21/09/19
 Foto: Arthur Dallegrave/Juventude
Foto: Arthur Dallegrave/Juventude

Náutico recebe o Juventude nos Aflitos para chegar à inédita final da Série C

21 / set
Publicado por Fernando Castro em Náutico às 16:38

Depois da grande indefinição sobre a data do confronto, por conta da realização do show da banda americana Bon Jovi no estádio do Arruda, a bola vai rolar neste domingo para o segundo jogo da semifinal da Série C, entre Náutico e Juventude. A partir das 18h, no estádio dos Aflitos, a equipe comandada pelo técnico Gilmar Dal Pozzo vai tentar chegar pela primeira vez à final da competição nacional. Para isso, o Timbu tem que reverter o resultado negativo do jogo de ida, quando perdeu por 2×1, em Caxias do Sul.

Mesmo com a mudança da data de jogo e posteriormente o retorno para o dia original, o técnico Gilmar Dal Pozzo revelou que não mudou o planejamento em relação a preparação com os jogadores. “O que muda é a logística. Nós vamos fizemos um treino sexta-feira como se o jogo fosse no domingo e a carga de trabalho foi com níveis de concentração altíssimo. Dimensionar se é favorável ou desfavorável, eu nem perdi meu tempo para analisar isso, porque tenho que passar um trabalho bom de preparação”, destacou o treinador alvirrubro.

Uma vitória por dois gols de diferença garante uma vaga direta, enquanto um simples triunfo leva a decisão para os pênaltis. Lamentando a derrota no jogo de ida, Gilmar Dal Pozzo admitiu a possibilidade de manter a mesma estratégia do jogo em Caxias do Sul. Para a decisão, o treinador alvirrubro tem duas dúvidas importantes. Sem participar dos últimos treinamentos por conta de uma entorse no tornozelo direito, o atacante Thiago apareceu no último treino e pode ser opção. Já o meia Jean Carlos, um dos destaques do time nos últimos jogos, ficou ausente dos últimos dois trabalhos com bola e não tem presença garantida.

“A gente montou uma estratégia muito boa no jogo de ida. Tem uma possibilidade muito grande de continuar com essa ideia de jogo jogo, povoando mais o meio de campo. Tivemos mais posse de bola que o adversário, tivemos o controle de jogo lá, eu fiquei muito feliz com a postura, e não perdendo a nossa agressividade. Eu tive mais uma semana para trabalhar, para melhorar posicionamento e movimentação”, analisou Dal Pozzo.

LEIA MAIS

>Justiça determina volta de Náutico x Juventude para domingo

>Náutico não solicitou apoio e FPF faltou a reunião, diz Polícia Militar

>Por unanimidade, STJD mantém o resultado original de Náutico x Paysandu

JUVENTUDE

Jogando pelo empate para garantir a classificação à final da Série C, o Juventude já começou o planejamento para a próxima temporada. Depois de vencer o jogo de ida em casa, a diretoria do clube gaúcho negociou duas peças importantes da equipe. O meia Renato Cajá, artilheiro do time na competição com cinco gols marcados, renovou contrato com o clube e foi emprestado para a Ponte Preta. Já fora de campo, o treinador Marquinhos Santos foi anunciado pela Chapecoense e também retorna ao Juventude no próximo ano.

FICHA DO JOGO

Náutico: Jefferson; Hereda, Diego Silva, Fernando Lombardi (Rafael Ribeiro) e Wilian Simões; Josa, Jiménez (Jhonnatan) e Jean Carlos; Jhonnatan (Thiago), Matheus Carvalho e Álvaro; Técnico: Gilmar Dal Pozzo. Esquema: 4-3-3.

Juventude: Marcelo Carné; Vidal, Genilson, Sidimar e Eltinho; João Paulo, Jhon Lennon, Aprile e Rafael Bastos; Dalberto e Breno (Carlos Henrique). Técnico: Leandro Fahel; Esquema: 4-4-2.

Local: estádio dos Aflitos, em Recife (PE). Horário: 18h. Árbitro: Braulio da Silva Machado (SC). Assistentes: Helton Nunes e Éder Alexandre (ambos de SC). Ingressos: R$ 40 (inteira) e R$ 20 (meia), com descontos especiais para sócios.


FECHAR