publicidade
22/08/19
Náutico tem boa estrtura. Mas falta intercâmbio para a base. Foto: Léo Lemos/Náutico
Náutico tem boa estrtura. Mas falta intercâmbio para a base. Foto: Léo Lemos/Náutico

11×2 tem explicação. E solução

22 / ago
Publicado por Carlyle Paes Barreto em Instant Articles às 12:32

Quando viram que o Sport caminhava para o rebaixamento, no último trimestre do ano passado, logo após Náutico e Santa Cruz não terem conseguido acesso na Terceira Divisão nacional, os técnicos Roberto Fernandes e Dado Cavalcanti projetaram seminário para tentar encontrar soluções para salvar o futebol pernambucano. No seminário promovido, atenção especial à base. Com diagnósticos de problemas e propostas. Mas parece que muito pouco foi aproveitado.
A humilhante eliminação do Náutico no Brasileiro Sub-17 para o Palmeiras, com goleadas por 4×0 e 11×2, além de frustrações dos três grandes nos sub-20 e aspirantes são reflexo de um problema detectado lá atrás, e não resolvido: os clubes daqui até revelam talentos, mas complicam o amadurecimento de possíveis craques porque jogam pouco.

O sub-17 timbu, por exemplo, estava disputando sua primeira competição. Pegando justamente o atual campeão mundial da categoria, que está em atividade constante desde janeiro. Nem Estadual o alvirrubro disputou ainda. E mesmo assim, vai terminar o ano jogando no máximo dois clássicos. E será assim até a profissionalização.

Talvez aí esteja a explicação. Para rubro-negros e tricolores também.


FECHAR