publicidade
06/05/19
Foto: Eduardo Carmin/Estadão Conteúdo
Foto: Eduardo Carmin/Estadão Conteúdo

Mesmo com um a menos, Sport empata em 1×1 com o Bragantino

06 / maio
Publicado por Filipe Farias em Notícias às 21:58

Em uma partida bastante intensa e com qualidade técnica, Bragantino e Sport mostraram o porquê são apontados como favoritos ao acesso à Série A. Diante de um equilíbrio em campo, o duelo acabou em igualdade: 1×1, no Estádio Nabi Abi Chedid, pela 2ª rodada da Segundona. Os gols foram marcados por Matheus Peixoto e Hernane Brocador.

Com o ponto conquistado, o Sport ocupa a 12ª colocação, com dois pontos. A equipe leonina volta a campo no próximo sábado, quando recebe o Figueirense, às 16h30, na Ilha do Retiro.

O JOGO

Apontados como os dois principais times candidatos ao acesso à Série A, Bragantino e Sport começaram a partida mostrando o porquê desse favoritismo. Em campo, as duas equipes apresentavam um futebol competitivo e de muita velocidade. Com um ritmo bastante intenso, as chances de gols não demoraram a sair.

Já na primeira oportunidade, o placar saiu do zero. Aos quatro minutos, Osman ganhou na velocidade para Norberto e cruzou para Matheus Peixoto chegar finalizando. Maílson estava inteiro na jogada, mas acabou deixando a bola escapar entre os dedos: 1×0. A reposta do Leão foi imediata. Aos 10, o atacante Guilherme, que voltou a jogar aberto pela esquerda, cortou o zagueiro e chutou colocado, mas Julio Cesar saltou para evitar o empate rubro-negro.

Sem se intimidar, o Sport seguiu atacando e achou o seu gol após uma bela trama ofensiva. Aos 21, Guilherme enfiou a bola para Ezequiel que logo emendou um calcanhar para Hernane sair de cara com Julio Cesar e soltar um bico na bola para empatar: 1×1. As duas equipes seguiam atuando em alta rotação e só não saíram mais gols graças aos dois goleiros.

Ao contrário do primeiro tempo, a partida mudou drasticamente na etapa complementar. Os dois times voltaram do intervalo imprimindo um ritmo mais cadenciado, procurando tocar mais a bola. Empurrado pela torcida, o Bragantino foi quem ficou mais próximo de desempatar. Aos 16, em finalização de Ytalo dentro da área; e aos 25, em forte arremate de Uillian Correia para defesa de Maílson.

Aos 26, Lazaroni acabou sendo expulso. Com um a menos em campo, o Sport se encolheu no seu campo defensivo e perdeu poder ofensivo. Mesmo pressionado, conseguiu segurar o empate até o final.

Ficha do jogo

BRAGANTINO

Julio Cesar; Pedro Naressi (Vitinho), Ligger, Anderson Marques e Rafael Silva; Barreto, Uillian Correia e Bruno Tubarão (Thiago Ribeiro); Osman, Ytalo e Matheus Peixoto (Wesley). Técnico: Antônio Carlos Zago.

SPORT

Maílson; Norberto, Rafael Thyere, Adryelson e Guilherme Lazaroni; João Igor (Yago), Charles e Sammir (Raul Prata); Ezequiel, Guilherme e Hernane Brocador (Elton). Técnico: Guto Ferreira.

Local: Estádio Nabi Abi Chedid, em Bragança Paulista (SP).
Árbitro: Savio Pereira Sampaio (DF).
Assistentes: Luciano Benevides de Sousa e Leila Naiara Moreira da Cruz (ambos do DF).
Gols: Matheus Peixoto, aos 4 minutos, e Hernane, aos 21 do 1º tempo.
Cartões amarelos: Uillian Correia, Anderson Marques, Osman, Barreto, Thiago Ribeiro (BRA) e Guilherme, Maílson (SPO) .
Cartão vermelho: Guilherme Lazaroni (SPO).


FECHAR