publicidade
14/03/19
Foto: Diego Nigro/JC Imagem
Foto: Diego Nigro/JC Imagem

Náutico e Roberto Fernandes se encontram mais uma vez

14 / mar
Publicado por Fernando Castro em Náutico às 12:03

Os caminhos do Náutico e do treinador Roberto Fernandes se cruzam mais uma vez nesta quinta-feira (14). Depois de ser campeão pernambucano em 2018 pelo Timbu, o técnico já reencontrou o clube do coração no ano passado, quando treinou o Santa Cruz na Série C. Agora no comando do CRB, Roberto Fernandes e Náutico se encontram novamente, dessa vez pela Copa do Nordeste.

Do atual elenco do Náutico, o treinador já trabalhou com 15 jogadores no próprio clube na temporada passada. Depois de conquistar o título do Campeonato Pernambucano em 2018 e ter feito uma boa campanha na Copa do Brasil com o time alvirrubro, Roberto Fernandes não conseguiu repetir o mesmo desempenho na Série C e foi demitido com apenas quatro rodadas.

Presente nas últimas quatro vitórias seguidas do Náutico, o volante Maylson nunca trabalhou com Roberto Fernandes, mas alertou para as dificuldades do encontro com o comandante. De acordo com o meio-campista, o fato do treinador conhecer grande parte do elenco do Náutico traz um tempero a mais para o confronto.

“Será um jogo difícil. O CRB é um time de tradição, que está na Série B e tem um treinador que conhece muito a gente, que é o Roberto Fernandes. Vamos para lá com espírito de decisão, pois um resultado positivo nos deixa em boa situação na tabela de classificação”, comentou o volante Maylson.

TRABALHARAM COM ROBERTO FERNANDES NO NÁUTICO

Goleiros: Bruno e Luiz Carlos;

Lateral esquerdo: Gabriel Araújo;

Zagueiros: Camutanga e Rafael Ribeiro;

Volantes: Josa, Jiménez, Luiz Henrique e Willian Gaúcho;

Atacantes: Wallace Pernambucano, Robinho, Tharcysio, Odilávio, Rafael Oliveira e Rafael Assis.

HISTÓRIA NO NÁUTICO

O treinador, de 47 anos, tem história no Náutico. Além de quebrar um jejum de 13 anos sem título do time alvirrubro ao conquistar o Campeonato Pernambucano de 2018, Roberto Fernandes é o terceiro técnico que mais vezes comandou o Timbu. Segundo dados atualizados do pesquisador Adethson Leite, Roberto tem 182 partidas no comando do clube.

O técnico que mais comandou o Náutico na história é Palmeira, comandante alvirrubro da década de 1950 e 1960, com 221 jogos. Já o segundo é Duque, multicampeão pelo Timbu nos anos 1960, com 187. Fechando o TOP-5, Orlando Fantoni (148, década de 1970) e Umberto Cabelli (132, anos de 1930).


FECHAR