publicidade
13/03/19
Olivera atuou no Náutico em 2013. Foto: Guga Matos/Acervo/JC Imagem
Olivera atuou no Náutico em 2013. Foto: Guga Matos/Acervo/JC Imagem

Náutico entra em acordo com Olivera e evita punição da Fifa

13 / mar
Publicado por Carlyle Paes Barreto em Instant Articles às 18:57

O Náutico entrou em acordo com representantes do uruguaio Olivera, evitando punição da Fifa pelo débito que tem com o atacante. A entidade máxima do futebol já havia sido acionada.

Olivera jogou no Náutico em 2013, ainda na gestão de Paulo Wanderley. Tinha contrato até junho de 2014, mas foi dispensado pelo então presidente Glauber Vasconcelos. Depois de acordo firmado para parcelamento da dívida que vinha desde o primeiro ano, o acordo não foi cumprido.

O estafe do atleta ainda chegou a acusar, na época, a direção do clube de falsificar sua assinatura para forjar documento.

A atual gestão alvirrubra vinha tentando novo acordo desde o ano passado, mas o empresário de Olivera não aceitava. Nesta terça, no entanto, um novo parcelamento foi obtido, evitando punição ao clube. O encontro ocorreu em São Paulo, com a presença do vice-presidente Diógenes Braga.

Os valores não foram divulgados.

Olivera chegou a disputar o Prêmio Puskas em 2013, com o gol marcado na vitória por 2×0 sobre o Sport, pela Sul-Americana, no jogo em que o alvirrubro perdeu a vaga na disputa por pênaltis.

O Náutico tem ainda outras broncas da mesma época, envolvendo os jogadores Jean Rolt, Martinez e Auremir.


FECHAR