publicidade
27/12/18
Raphael Soares chegou em dezembro e, após perder espaço no elenco, pediu seu desligamento.Foto: Fernando Castro/Jornal do Commercio
Raphael Soares chegou em dezembro e, após perder espaço no elenco, pediu seu desligamento.Foto: Fernando Castro/Jornal do Commercio

Lateral já está ciente da pressão que o Santa Cruz vai enfrentar em 2019

27 / dez
Publicado por Karoline Albuquerque em Notícias às 8:35

A temporada 2018 foi algo para o Santa Cruz esquecer. Eliminado ainda na primeira rodada da Copa do Brasil, queda precoce no Campeonato Pernambucano e sem conseguir passar das quartas de final da Copa do Nordeste, o Tricolor amargou também a decepção de não conseguir o acesso da Série C para a B. Com tudo isso tão recente, quem chega ao clube já sabe da pressão esperada em 2019.

“A gente sabe que é um peso de um time grande. Não teve o acesso esse ano, então a gente já vem com uma certa pressão. Mas, a maioria dos jogadores têm bagagem e estão acostumados com isso. Estamos tranquilos com relação a isso. É normal no futebol”, minimizou o lateral-esquerdo Raphael Soares, apresentado oficialmente pelo clube na quarta-feira (26).

LEIA MAIS:

Mais um lateral apresentado pelo Santa Cruz, Raphael Soares minimiza concorrência

Pipico é diagnosticado com cálculo renal, mas não preocupa Santa Cruz

Presidente da Liga sugere simpósio por representação nacional do futebol nordestino

O jogador estava no paranaense Operário, justamente o time que eliminou a Cobra Coral nas quartas de final da Terceira Divisão. E, por ter enfrentado o time pernambucano no mês de agosto deste ano, Raphael Soares já cria suas expectativas quanto à torcida tricolor.

“Já vejo (a torcida), acompanho. Esse ano, eu vi lá no jogo contra o Operário. Foi bastante gente lá (em Ponta Grossa, Paraná). Isso é uma coisa que motiva qualquer jogador. A torcida aqui é uma das mais fortes no Brasil, vamos dizer assim. Para mim, é muito bom”, exaltou o lateral do Santa Cruz.


FECHAR