publicidade
11/04/18
Jogador foi indiciado por agressão à ex-namorada. Foto: Diego Nigro/JC Imagem
Jogador foi indiciado por agressão à ex-namorada. Foto: Diego Nigro/JC Imagem

Atacante do Sport Juninho é rejeitado por torcedoras do Fortaleza

11 / abr
Publicado por Maria Lua Ribeiro em Instant Articles às 13:31

A intolerância aos abusos e agressões contra a mulher vem ganhando cada vez mais força dentro do futebol. Prova disso foi a posição de algumas torcedoras do Fortaleza em relação ao atacante do Sport Juninho. O clube recifense tentou emprestar o atleta para compor o elenco do tricolor até o final da Série B, mas o jogador não é bem-vindo no time cearense, pelo menos por parte da torcida feminina do clube.

LEIA MAIS:

Homero Lacerda diz que Dubeux e Arnaldo agem como donos do Sport

Agenor ressalta Sport entrosado já com reforços para a Série A

“A situação do Sport é tenebrosa”, critica Homero Lacerda

Confira os destaques do Programa Replay desta quarta-feira

As mulheres do grupo Torcedoras do Leão repudiaram a chegada do jogador para reforçar a equipe tricolor, tendo em vista o histórico dele fora das quatro linhas. Em nota publicada em uma página do Facebook destinada à torcida do Fortaleza, as torcedoras comunicaram que repudiam “veementemente a vinda do atacante Juninho, ex-jogador do Sport, para somar ao elenco do Fortaleza”.

O motivo da rejeição por parte da ala feminina da torcida do Fortaleza são as acusações contra o jogador por agressão contra mulher. As torcedoras reforçaram que nenhum agressor vai ter espaço no plantel do Fortaleza. “Frisamos que lugar de agressor não é compondo o nosso elenco!”, diz um trecho da nota.

Em entrevista ao Blog do Torcedor, o executivo de futebol rubro-negro Klauss Câmara explicou que o time cearense não chegou a apresentar proposta para negociar o atacante. “Não foi feito nenhuma proposta oficial por parte do Fortaleza. Houve apenas uma sondagem, nada mais que isso”, disse.

Agressão

Em 2017, o atleta foi detido durante algumas horas na Delegacia da Mulher do Recife, depois de ser alvo de acusações por agressão a uma ex-namorada. Ele teve um relacionamento com ela que durou cinco meses. A jovem relatou no depoimento que as agressões consistiam em murros e ameaças feitas por ele com uma faca contra ela. No entanto, depois de pagar fiança de R$ 10 mil, Juninho foi liberado para responder em liberdade pelos crimes de lesão corporal, injúria e ameaça.

Afastamento do Sport

O jogador deixou o time principal do Sport por recomendação do próprio técnico Nelsinho Baptista. Segundo o comandante rubro-negro, o atleta se recusou a viajar com o grupo para um jogo válido pela Copa do Brasil. Além disso, o treinador afirmou na época que essa não tinha sido a primeira postura indisciplinar dele. Na disputa do título do Pernambucano, em 2017, ele também tinha se recusado a atuar. Somado ao recorrente mau comportamento por não querer jogar determinada partidas, e por relaxar na forma física (ficou 5 quilos acima do peso), Juninho já foi acusado de agredir uma funcionária do clube.


FECHAR