publicidade
14/03/18
Foto: Diego Nigro/JC Imagem
Foto: Diego Nigro/JC Imagem

“Elogio é bom, mas não pode empolgar”, diz goleiro do Náutico

14 / mar
Publicado por Karoline Albuquerque em Instant Articles às 13:34

Aos 23 anos, Bruno assumiu a camisa 1 do Náutico para substituir o então titular Jefferson, que se lesionou no dia 31 de janeiro. Em pouco mais de um mês, o goleiro disputou 12 partidas, em onze jogos na formação inicial. Algumas partidas destacaram o alvirrubro, principalmente no sábado (12), ao fazer defesas sólidas na vitória sobre o Bahia pela 4ª rodada da Copa do Nordeste 2018. Mesmo com tantos elogios, Bruno mantém o foco para fazer ainda mais.

“Elogio é bom, todo mundo gosta, mas a gente não pode se empolgar. A gente tem que focar nos jogos e fazer cada vez melhor nos jogos. Se Deus quiser, a gente não tomar gol e fizer uma boa partida, a gente vai sair classificado e vitorioso, que vai dar uma moral para as finais do Pernambucano”, disse.

LEIA MAIS:

Em jogo da volta, Náutico decide avanço na Copa do Brasil diante do Cuiabá

Roberto Fernandes explica preparativos para jogo diante do Cuiabá

Alvirrubros focam no campo e tranquilizam presidente:”a gente não quer ouvir de dinheiro no CT”

Bruno volta a campo na noite desta quarta-feira (14), para enfrentar o Cuiabá pelo jogo de volta da 3ª fase da Copa do Brasil, na Arena Pantala. Para esta partida, o arqueiro espera mais uma vez repetir a boa atuação para voltar ao Recife com a vitória.

“A gente espera o Cuiabá disposto a propor o jogo, a atacar a gente. Mas a gente tem que jogar inteligente. Temos que saber jogar os contra-ataques, que estão sendo nosso forte. Aproveitar o bom momento do time e, se Deus quiser, sair classificado”, completou Bruno.


FECHAR