publicidade
15/01/12

Araripina e Sport ficam no empate por 1×1

15 / jan
Publicado por Wladmir Paulino em Notícias às 17:50

Com cada time dominando uma etapa, Araripina e Sport ficaram num justo empate por 1×1 neste domingo (15), no Chapadão do Araripe, pela primeira rodada do Pernambucano Coca-Cola 2012. Wanderley abriu o placar para os donos da casa no primeiro tempo e Renato, que entrou muito bem na partida, deixou tudo igual. O Sport volta a campo na quarta (18) diante do América. O Bode encara o Central, no Luiz Lacerda, no mesmo dia.

Como jogava em casa, o Araripina tomou a iniciativa da partida, tanto que no primeiro minuto o lateral-direito Moacir já tomava cartão amarelo por falta em Misael. E foi o mesmo Misael a dar o primeiro susto do jogo. Aos cinco minutos ele cabeceou à esquerda de Magrão.

Nos primeiros minutos o Sport tentava valorizar a posse de bola e até conseguia. Mas aos poucos o Bode foi ganhando espaço com a marcação adiantando. Aos 13 foi a vez de Júnior Sertânia, numa tentativa de cruzamento, quase surpreender o goleiro leonino. Ele fez grande defesa e mandou a escanteio.

Enquanto isso, o Sport não conseguia deixar seus atacantes em condições de finalizar. No máximo, conseguiam os cruzamentos sempre bem interceptados pela zaga adversária. O Araripina teve paciência e aos poucos foi chegando mais perto. Aos 35 foi a vez de Cristóvão chutar a meia altura e Magrão trabalhar novamente. Foram precisos mais quatro minutos para o time da casa abrir o placar. Júnior Sertânia cruzou no segundo pau e Wanderley, sozinho, completou para o gol.

Atrás no marcador, o Sport se apavorou e começou a apelar para faltas mais duras na reta final do primeiro tempo. Tanto que Hamilton e Tobi tomaram cartão amarelo no intervalo de menos de um minuto.

Os visitantes voltaram para o segundo tempo com o lateral-direito Renato no lugar do apagado volante Naldinho. Essa mudança forçou a ida de Moacir para o meio. Deu certo. O Sport teve uma dinâmica melhor de jogo e desde os primeiros minutos pressionou o Araripina em seu campo.

Logo aos cinco minutos, o atacante Jheimy teve uma chance que não apareceu em todo primeiro tempo. Ele livrou-se do marcador e chutou para grande defesa de Davi. Mais cinco minutos e Gideon teve que se atirar na frente da bola para evitar o gol do Sport. No rebote, Rithely ainda mandou de cabeça, por cima.

Apesar da visível melhora, o técnico Mazola Júnior continuou mexendo no time. Milton Júnior e Jackson entraram nos lugares de Rithely e Anderson Paraíba, respectivamente. De tanto insistir, os leoninos conseguiram o empate aos 28 minutos. Renato, artífice das melhores jogadas, entrou na área e chutou cruzado. Desta vez Davi não pôde evitar.

Renato manteve o ótimo volume de jogo e por muito pouco não decretou a virada apenas dois minutos depois de empatar. Aos 32 minutos ele soltou uma bomba no travessão. Em nova investida, desta vez aos 34, o lateral cruzou para Willians, cara a cara com o goleiro, cabecear para fora.

Nos últimos dez minutos, o Sport arrefeceu a pressão e o Araripina conseguiu sair um pouco do campo de defesa. Com isso o jogo ficou equilibrado mas sem que uma das equipes chegasse mais perto da vitória que a outra.

Ficha do jogo:

Araripina: Davi; Júnior Sertânia, Oliveira (Índio Sertânia), Ivson e Aílton; Gideon, Marcelo Pitbull, Vassoura (Índio) e Misael; Cristóvão (Rosembrik) e Wanderley. Técnico: Mirandinha.

Sport: Magrão; Moacir, Montoya, Tobi e Renê; Hamilton, Rithely (Milton Júnior), Naldinho (Renato) e Willians; Anderson Paraíba (Jackson) e Jheimy. Técnico: Mazola Júnior.

Local: Chapadão do Araripe, em Araripina. Árbitro: Nielson Nogueira. Assistentes: Erich Bandeira e Pedro Wanderley. Gols: Wanderley, aos 39 do primeiro tempo. Renato, aos 28 do segundo. Cartões amarelos: Moacir, Tobi e Hamilton. Público: 6.360. Renda: R$ 43.500.


FECHAR