AGLOMERAÇÃO

Polícia pede prisão de MC Poze e Negão da BL por promoverem shows na pandemia de Covid-19

Polícia pede prisão de MC Poze e Negão da BL por promoverem shows na pandemia de Covid-19

O cantor MC Poze do Rodo (Foto: Reprodução/Instagram)

Publicado em Notas 2/03/2021 às 12:54

A Delegacia de Represão aos Crimes de Informática e a de Combate às Drogas da Polícia Civil divulgou uma lista pedindo a prisão de alguns funkeiros. Entre eles, nomes conhecidos como MC Poze, Markinho do Jaca e Negão da BL. A acusação é de que os músicos têm participado de bailes de funk durante a pandemia, causando aglomeração.

LEIA TAMBÉM: Morre cantora gospel de Covid-19 após passar 10 dias internada

Até então, os eventos que estavam acontecendo eram feitos de maneira ilegal – como aconteceu com o cantor Belo. Os funkeiros em questão foram acusados de medida sanitária preventiva, epidemia e associação ao tráfico de drogas.

Com a investigação, concluiu-se que a responsabilidade pela realização dos eventos é dos grupos criminosos das respectivas áreas. Além dos mais conhecidos, outros 11 nomes estão na lista.

Compartilhe
Comentários