CONSCIENTIZAÇÃO

No ‘Domingão’, Faustão critica o racismo no Brasil e enaltece profissionais negros

No ‘Domingão’, Faustão critica o racismo no Brasil e enaltece profissionais negros

Fausto Silva durante o Domingão do Faustão (Foto: Reprodução/Instagram)

Publicado em TV 30/11/2020 às 11:30

Durante o quadro ‘Dança dos Famosos’, o apresentador Fausto Silva aproveitou para enaltecer os profissionais negros no programa. O papo aconteceu no Domingão do Faustão do domingo, 30, em rede nacional.

Globo é condenada a indenizar vencedora do ‘Caminhão do Faustão’ em R$ 65 mil; saiba o motivo

“O negro ganha menos, ele tem menos oportunidade… E aí vem gente falar que não tem racismo no Brasil. É uma tremenda hipocrisia, não é?”, perguntou Faustão a Jefferson Bilisco, professor de dança.

“Completamente. Falando de Brasil. E essa consciência que a gente tem”, respondeu o parceiro de dança de Guta Stresser. “Muito obrigado pela representatividade para poder mostrar pra todo mundo que nós somos sim, talentosos.”

Faustão abordou novamente o tema ao conversar com Paula Santos, a professora de André Gonçalves. “A mulher negra sofre muito mais do que a mulher branca, nessa questão do racismo, preconceito e violência?”; questionou o apresentador.

Pela primeira vez, MasterChef terá apenas participantes negros

“A mulher negra deve se manifestar de forma positiva e se posicionar. Não é fácil ser mulher e negra nos dias de hoje, principalmente no Brasil”, respondeu.

Por fim, Faustão ainda fez uma comparação entre o racismo no Brasil e nos Estados Unidos; afirmando que o país norte-americano “reage”.

No Dia da Consciência Negra, Glória Maria faz reflexão sobre luta contra racismo: “Não precisava de likes”

“Aqui, na hora que o negro começar a reagir para valer, vocês vão ver o que é bom para tosse. Aqui é a pior situação porque o povo finge que não tem [racismo]. É preconceito contra gay, velho, criança. Pô, vamos tentar melhorar.”

Compartilhe
Comentários