POLÍTICA

Marina Ruy Barbosa se posiciona após arrependimento político do pai: “Não concordo com a atual política”

Publicado em Notas 5/06/2020 às 18:34
Marina Ruy Barbosa se posiciona após arrependimento político do pai: “Não concordo com a atual política”

Paulo Barbosa se diz arrependido de ter votado no atual Presidente da República. Foto: Reprodução/Instagram

Pela primeira vez, Marina Ruy Barbosa resolveu se posicionar politicamente após seu pai, o empresário Paulo Barbosa, declarar nas redes sociais que está arrependido em ter depositado sua confiança no presidente Jair Bolsonaro, apelidando-o, inclusive, de “Bozo”. Sim, o palhaço televisivo.

LEIA MAIS > Vanessa da Mata termina noivado após adiar casamento

“Eu não votei no candidato do meu pai, não concordei com a escolha dele, não concordo nem compactuo em nada com a atual política. Mas o voto é um direito garantido e ele votou em quem quis”, disse Marina, através de sua assessoria, ao jornal Extra. Decepcionada com o cenário político brasileiro, Ruy Barbosa afirma que tinha uma pequena e ingênua esperança no atual governo.

“O cenário lá atrás já não era promissor, mas, esperançosa, como brasileira que não gostaria de ver seu país em mau estado, tentei acreditar (percebo que fui ingênua) em uma mínima possibilidade de as coisas não irem para esse caminho lamentável que foram”, confessou a atriz, que também elogiou a nova postura do pai. “Mas tudo o que pensávamos só se confirmou. Só aprende quem erra. E meu pai está revendo as posições dele. E eu acho bom, porque mostra que, como eleitor, ele está atento. E mais do que isso, que está disposto a evoluir e mudar de pensamento”, finalizou.

Mudança de posicionamento

Paulo Barbosa, pai da atriz Marina Ruy Barbosa, se arrependeu de ter confiado o seu voto no presidente Jair Bolsonaro. Novo adepto da hashtag #Somos70%, o patriarca publicou comentários como “Pela democracia no Brasil” e “Ditadura nunca mais” através do seu Instagram.

Respondendo comentários de seguidores decepcionados com sua atitude, Paulo admitiu seu voto no atual Presidente da República e confirmou seu arrependimento. Barbosa ainda se referiu ao político como “Bozo”, em referência ao clássico palhaço televisivo.

LEIA MAIS > “Não consigo achar que 30% do país que acredita [em Bolsonaro] são pessoas terríveis”, reflete Denise Fraga

“Se eu pudesse escolher, votaria no Amoedo, mas ele ficou no primeiro turno. Votei no ‘Bozo’ torcendo para que ele fizesse um bom governo. Infelizmente, está sendo um desastre. Estamos numa democracia, e vamos buscar os meios legais para o bem do país”, disparou.

Compartilhe
Publicado por
Igor Guaraná

Comentários