JUSTIÇA

Bruno Gagliasso pede R$ 180 mil de indenização a Day McCarty por injúria racial

Bruno Gagliasso pede R$ 180 mil de indenização a Day McCarty por injúria racial

Day McCarthy foi alvo de queixa na Justiça por injúria racial (Foto: Reprodução/Internet)

Publicado em Famosos 27/05/2020 às 7:48

Em 2017, a filha do casal Giovanna Ewbank e Bruno Gagliasso, Titi, foi vítima de racismo quando ainda tinha 3 anos. Na época, a socialite Day McCarthy chamou a menina de “macaca” e proferiu outros insultos nas redes sociais.

LEIA TAMBÉM: “Sofro racismo e ninguém faz nada porque não sou filha de famoso”, dispara Day McCarthy

No mesmo ano, o casal prestou uma queixa criminal na Delegacia de Repressão aos Crimes da Internet. Hoje, três anos depois, a família aguarda a indenização, cobrada no valor de R$ 180 mil.

No entanto, o processo, encaminhado ao Ministério Público, segue parado. Apesar disso, Day McCarty é considerada uma fugitiva da Justiça na esfera cível.

Sem endereço fixo ou apresentando uma defesa, a socialite ainda não respondeu ao processo. Ainda assim, Day McCarthy será julgada à revelia, mesmo que não esteja presente. No endereço fixo, consta que ela vive em Copacabana, no Rio de Janeiro. No entanto, atualmente ela está em Las Vegas, nos Estados Unidos.

Ainda essa semana, Day McCarthy utilizou o Instagram para afirmar que havia se arrependido das falas racistas. Ainda assim, essa não é a primeira polêmica em que a famosa se envolve. Nomes como Anitta e Thayla Ayala já foram alvos dos seus desafetos.

Compartilhe
Comentários