EM CASA

Live de Jorge e Mateus atinge 3 milhões de espectadores e bate recorde mundial

Jorge e Mateus enfrentam processo milionário de ex-empresário. Foto: Reprodução/Instagram

Você atingiu o limite de conteúdos que pode acessar.

Depois de Gusttavo Lima e Xand Avião, a dupla sertaneja Jorge e Mateus matou a saudade que os fãs estavam dos seus shows, sábado (4), com a ajuda da internet. Sem poder fazer shows com público, devido ao isolamento social imposto pelo coronavírus, eles fizeram uma live no Youtube, transmitida "na garagem", entoando vários sucessos. O resultado foi o recorde mundial de pessoas assistindo ao mesmo tempo uma transmissão ao vivo no YouTube: 3 milhões de espectadores. O recorde anterior era de Gusttavo Lima que no último sábado, 28 de março, contou com cerca de 750.000 pessoas ao vivo. Antes dele, quem detinha o maior público ao vivo era a cantora americana Beyoncé, com cerca de 500.000 em 2018.

Jorge e Mateus agradeceram, ainda que tenham estranhado cantar apenas para a câmera. "A gente sente falta do calor humano, mas estamos fazendo o possível para estar em contato com vocês", disse Mateus. A live de Jorge & Mateus começou às 20h e os artistas ficaram quatro horas ao vivo.

O ministro da Saúde, Luiz Henrique Mandetta, fez uma participação especial durante a live quando a transmissão atingia de 3,2 milhões de pessoas na plataforma. Deu um recado em apoio a artistas, reforçando seu discurso em meio a crise do coronavírus. “Importante que a música chegue, mas que a gente não aglutine, que a gente não coloque as pessoas no mesmo lugar. Os show são feitos de casa. O show não pode parar, mas a aglutinação tem que parar. A gente precisa agora proteger um ao outro e o sistema de saúde se preparar para, no momento certo, a gente poder se abraçar”, disse Mandetta.

Saiba mais: Gusttavo Lima quebra recorde do YouTube com live direto de sua casa

A dupla também endossou o distanciamento social adotado por países de todo o mundo para conter o avanço da pandemia de covid-19. Só no Brasil, a doença causada pelo novo coronavírus já matou 432 pessoas. "[Fazemos isso] para vocês ficarem em casa, mesmo. É um momento de conscientização", pediu Jorge. Entre os fãs, muitos usuários do Twitter —como sempre!—, mas também celebridades, como Sérgio Mallandro, e Neymar, que ganharam abraços virtuais da dupla. "Amo noite e dia", "Flor" e "Logo eu" foram alguns dos hits cantados pelos sertanejos, que passaram mais de quatro horas cantando para o público. O setlist incluiu canções antigas, atuais e até sucessos de outros cantores, como "Evidências", de Chitãozinho e Xororó.

O show também teve viés social. Por meio de um QR code disponibilizado durante toda a transmissão, os espectadores podem fazer doações para o "Fome de Música", projeto que pretende arrecadar e destinar alimentos a quem mais precisa. Por volta da meia-noite, Mateus anunciou que já haviam sido arrecadadas 150 toneladas de alimentos. O sertanejo até brincou: "A meta era 100. Será que conseguimos dobrar a meta?".

Leia também:
Em live, Lucas Lucco arrecada R$ 214 mil para famílias afetadas pela Covid-19
Ávido apoiador de Bolsonaro, Carlos Vereza rompe com o político: “Não dá mais”
Globo cancela participação de Prior no “Fantástico” após acusações de estupro

PARCERIA Anitta faz live com Miley Cyrus e ganha elogio: "Sensação do pop brasileiro" SHOW Após sucesso de Gusttavo Lima, Jorge e Mateus confirmam live: "Segura o coração" PRIMEIRO LUGAR Gusttavo Lima quebra recorde do YouTube com live direto de sua casa