Cantora contrária a vacina para Covid 19 gera polêmica: “escolheria a morte”

Publicado em Notas 26/03/2020 às 9:00
Cantora contrária a vacina para Covid 19 gera polêmica: “escolheria a morte”

A cantora britânica M.I.A., de 44 ano, foi ao seu Twitter para dizer que é contra vacinas e que, se fosse contaminada, escolheria morrer de Covid-19. “Se eu tiver que escolher entre a vacina ou chip, eu escolheria a morte”, postou.

“Tenham uma vida saudável. Não vivam com medo!”, escreveu ela em outro post. M.I.A. continuou a defender sua filosofia antivacina. “Não entrem em pânico, vocês estão bem. Vocês não vão morrer. Vocês podem superar isso sem sobrecarregar o sistema médico. Apenas respirem. Vocês conseguem passar por isso sem surtar. Vocês estão bem. Todas as vacinas que vocês já tomaram antes já foram suficientes para te proteger”, ainda escreveu ela.

Mãe de Ikhyd, de 11 anos, M.I.A. ainda escreveu que se arrepende de ter permitido que o garoto fosse vacinado no passado. “Nos EUA eles fizeam eu vacinar meu filho antes de ser matriculado na escola. Foi a coisa mais difícil que fiz. Não ter escolha, como mãe. Nunca mais quero sentir aquilo de novo. Ele ficou tão doente por três semanas que os médicos tiveram que usar antibióticos para diminuir a febre das três vacinas”, ainda escreveu M.I.A.

Leia mais: Isolado e no grupo de risco, Lima Duarte critica discurso de Bolsonaro: “Ele quer que eu morra

“Como adulto, você tem escolha. Então, você fortaleceu sua imunidade. Você tem escolha por ser adulto e desejo saúde a todos vocês”, também postou M.I.A., que ainda fez uma associação de ligações entre ciência e diversas outras áreas.

“Maior parte da ciência está aliada a negócios, que são aliados de bancos, que são aliados da tecnologia, que é nossa aliada e somos aliados do corona. O corona é aliado da ciência, então… o melhor é a prevenção.”

Leia também:
Em vídeo, apresentador do JN diagnosticado com Covid-19 comemora melhora

Compartilhe
Publicado por
Anneliese Pires

Comentários