LEMBRANÇAS

“Tenho saudades do meu casamento com Marília”, revela Reynaldo Gianecchini

“Tenho saudades do meu casamento com Marília”, revela Reynaldo Gianecchini

Reynaldo Gianecchini relembra relacionamento com Marília Gabriela. Foto: Reprodução/Extra

Publicado em Famosos Jornalismo Notas TV 20/03/2020 às 2:39

Em entrevista à Quem, Reynaldo Gianecchini falou sobre sua relação com a ex-mulher, Marília Gabriela, afirmando ter “saudades” do relacionamento, que durou entre 1999 e 2006. “Talvez fosse um dos casamentos mais bem-sucedidos que eu conheço. Estava o tempo todo repleto de carinho e em uma troca. A gente crescia juntos. Foi tão legal! Fui ter essa noção do quanto era legal depois que o tempo passou”, contou o ator.

LEIA MAIS: Isolados, artistas fazem shows ao vivo, entrevistas, exercícios e até aula de francês nas redes

O artista contou que eles se conheceram quando Reynaldo estava trocando a carreira nas passarelas internacionais pela atuação, e explicou por que nunca se importou com a diferença de idade entre eles. “Quando conheci a Marília, ficou muito evidente que ela era muito mais interessante. Era uma mulher que não tinha o padrão da jovenzinha gatinha. A beleza dela e a mulher que ela era me interessavam muito mais, e faziam dela mais bonita do que as outras pessoas”, disse Gianecchini, que é 24 anos mais jovem que a jornalista.

O casal sempre levou os boatos de um possível relacionamento de Reynaldo com o filho de Marília, Theodoro Cochrane, com muito bom humor. “A mentira mais cabeluda foi a de que eu namorava o filho da Marília. Mas, por incrível que pareça, essa fofoca era a que mais a gente levava na brincadeira. Era tão absurda, que a gente encarava como piada”, revelou.

Sexualidade e relacionamentos

Ainda à publicação, Reynaldo confessou que se casaria novamente, mas apenas se encontrasse a pessoa certa, ressaltando ainda a dificuldade de encontrar alguém. “Juntar dois seres humanos e tentar fazer com que eles vivam em harmonia, com todas as suas histórias internas, é trabalho para caramba. Faz você crescer muito, mas dá muito trabalho. Confesso que estou quase com preguiça de me relacionar. Mas acredito que, quando chega a pessoa certa, não tem racional, já é”, contou o ator.

LEIA MAIS: Astro da cena K-Pop morre após sintomas de coronavírus

Em setembro, Gianecchini revelou em entrevista que já viveu relacionamentos homossexuais, mas não aceita títulos como “gay” ou “bissexual”, se definindo agora como “fluido”. “O mais legal que vejo nesta geração nova é falta de rótulos. Um termo que eu acho bacana é o fluido. Seja o que você for, é fluido, sem nomes. Cada um tem que olhar para a sua própria sexualidade”, finalizou.

Compartilhe
Publicado por
Igor Guaraná

Comentários