R.I.P.

Cantora de “Beijinho Doce”, Adelaide Chiozzo morre aos 88 anos

Cantora de “Beijinho Doce”, Adelaide Chiozzo morre aos 88 anos

Adelaide Chiozzo morre aos 88 anos. Foto: Reprodução/Wikipédia

Publicado em luto Música Notas TV 4/03/2020 às 1:56

Morreu na manhã desta quarta-feira, 4, a cantora e compositora Adelaide Chiozzo, dona do hit Beijinho Doce. A artista faleceu no Hospital Evangélico, localizado na Tijuca, Zona Norte do Rio de Janeiro, em decorrência de uma tromboembolia pulmonar.

Internada há duas semanas após uma forte queda, Adelaide passou por uma cirurgia na bacia e, de acordo com o neto Roberto, ela estava se recuperando. Depois de sua transferência para o Hospital Evangélico, apareceram infecções no trato urinário e pulmão.

LEIA MAIS: Fracasso? Ingressos para o show de Maroon 5 no Recife são vendidos a 2 por 1, diz site

“Ela vinha se recuperando bem. Estive com ela ontem. Estava melhorando, estava limpinha, cheirosinha”, relembra Roberto em entrevista ao jornal Extra. “[…] Ela estava melhor do problema mais complicado, a cirurgia, tinha conseguido. E acabou não resistindo agora”, lamentou. O sepultamento de Chiozzo está previsto para esta quinta-feira, 5, às 16h, no Memorial do Carmo, também localizando na Zona Norte do Rio de Janeiro.

A canção Beijinho Doce foi composta por Adelaide há anos, mas voltou com tudo após o folhetim A Favorita, protagonizada por Claudia Raia e Patrícia Pilar, em 2008.

Compartilhe
Publicado por
Igor Guaraná

Comentários