LOVE

Gleisi Hoffman e Lindbergh Farias estão namorando, afirma colunista

Gleisi Hoffman e Lindbergh Farias estão namorando, afirma colunista

Foto: Evaristo Sá - 1º.jun.2017/AFP

Publicado em Notas 3/03/2020 às 10:31

Segundo a colunista Mônica Bérgamo, do jornal Folha de S.Paulo a presidente do PT, Gleisi Hoffman e o ex-senador Lindbergh Farias (PT-RJ), além de colegas de partido, agora formam um casal. No sábado (29), dia em que ela foi hostilizada por um grupo de hóspedes, os dois estavam com familiares e amigos em um hotel no Rio de Janeiro.

Em vídeo que circulou as redes sociais da deputada é possível ver um grupo gritando “vai para Cuba”. A deputada retrucou afirmando: “você vai para o inferno”. As cenas sofreram repúdio de internautas —a senadora estava com uma de suas filhas, que chegou a se interpor entre a mãe e um dos agressores para defendê-la. Em uma outra postagem no início da noite de domingo (1º), a deputada postou a foto de um casal que teria sido responsável pelos gritos e afirmou que acionou a equipe jurídica dela.

View this post on Instagram

FASCISTAS NÃO NOS INTIMIDAM. VIOLÊNCIA E INSULTO NÃO SÃO ARGUMENTOS.⁣ ⁣ Neste sábado (29/02), quando já estava de saída de um hotel no Rio em direção ao aeroporto, com minha filha de 14 anos, um grupo de bolsonaristas me abordou com ofensas, palavrões e ameaças físicas. Já conhecemos este tipo de comportamento que é padrão dos seguidores da extrema direita. Não aceito insulto desse pessoal que tem na violência seu principal argumento.⁣ ⁣ Como se tratava de uma provocação armada previamente, hoje as milícias digitais de Bolsonaro estão mais uma vez espalhando nas redes versões falsas que as imagens desmentem. Vejam o vídeo postado por uma deputada de Brasília em seu Twitter, que reproduzo abaixo. O tipo de atitude fascista, característica dessa gente covarde.⁣ ⁣ Também se dirigiram ao ex-senador Lindbergh Farias. Pessoas que estavam no local reagiram e também enfrentaram os fascistas. Os agressores tentaram usar cadeiras e objetos para atingir quem nos defendia, e foram revidados. Instalaram um tumulto que foi contido pelos funcionários do hotel e seguimos para o aeroporto.⁣ ⁣ Eu sou da paz, e política pra mim é confronto de ideias, não físico, como pretendem eles. Respondi às agressões porque não aceito e não podemos aceitar esse método fascista de intimidação, pregado e estimulado pelos Bolsonaro.⁣ ⁣ Não vamos, é ninguém deve, se intimidar por essas abordagens toscas, sem educação e agressivas. Vamos tomar as medidas que sempre tomamos nestes casos, na esfera policial e judicial, processá-los e exigir indenizações, como tenho feito e obtido resultados. ⁣ ⁣ Já estamos coletando todas as imagens e nosso jurídico está em ação.

A post shared by Gleisi Hoffmann (@gleisihoffmann) on

“Eu sou da paz, e política pra mim é confronto de ideias, não físico, como pretendem eles. Respondi às agressões porque não aceito e não podemos aceitar esse método fascista de intimidação, pregado e estimulado pelos Bolsonaro”, escreveu.

Compartilhe
Publicado por
Anneliese Pires

Comentários