José Loreto esclarece nova polêmica: “Jamais recusei uma foto alegando não ser ‘o Mickey na Disney'”

José Loreto esclarece nova polêmica: “Jamais recusei uma foto alegando não ser ‘o Mickey na Disney'”

José Loreto (Imagem: Reprodução / Instagram)

Publicado em Notas TV 5/09/2019 às 3:43

José Loreto resolveu esclarecer uma nova polêmica envolvendo o seu nome. No último fim de semana, o ator teria, supostamente, debochado de uma seguidora que lhe pediu um autógrafo na Praia do Futuro, em Fortaleza, afirmando que “não seria o Mickey e que ela não estava na Disney”. A repercussão negativa do episódio teria interferido em seus recentes trabalhos.

Ao jornalista Leo Dias, do UOL, o ator contou que tudo não passa de fake news. “Jamais recusei tirar uma foto alegando não ser “o Mickey na Disney”. É incabível pensar que eu seria arrogante dessa maneira”, explicou ele, que ainda detalhou sua versão da história.

LEIA MAIS: Xuxa nega que Sasha Meneghel esteja vivendo caso com José Loreto

“O que pedi a uma das fãs que me abordaram no Ceará foi que se acalmasse para que pudéssemos tirar a foto sem chamar a atenção de todo mundo, para que não ficássemos expostos que nem o Mickey na Disney. Falei isso entre sorrisos que trocamos, com leveza, e a foto feita”, contou o ator.

Loreto ainda afirmou que “alguém pode ter interpretado da pior maneira possível ou tirado de contexto, talvez, de uma forma maldosa”, criando certa polêmica. Ao comentar sobre o suposto trabalho perdido após a divulgação do caso, ele reitera sua tranquilidade sobre o assunto. 

“Se algum possível trabalho caiu, não foi devido a algo que fiz, mas a algo que inventaram a meu respeito. Luz na caminhada de todos nós, mais empatia e menos julgamentos”, concluiu. Veja o desabafo completo

Olá! Evito responder para não fomentar tanta irrealidade, mas vou quebrar o padrão desta vez. A minha maior satisfação enquanto artista é receber carinho do público, não há pagamento mais gratificante do que este. Tenho total consciência de que, vira e mexe, estou na casa das pessoas, pela tela, e isso dá uma impressão de intimidade comigo.

Quando me pedem para tirar uma foto ou simplesmente querem trocar uma ideia, dou o máximo de atenção possível, com o maior prazer do mundo. Mas nem sempre podemos atender a todos, a qualquer hora. Alguns exemplos práticos que aconteceram comigo: já perdi vôo por parar mais tempo do que eu poderia para atender pessoas queridas no aeroporto; depois disso, quando estou atrasado, digo com carinho que não posso parar ou até peço para que me acompanhem até o embarque.

Também já precisei dizer que não poderia esperar a família toda de alguém chegar para uma foto porque eu estava correndo para o banheiro (todo mundo sabe o que é estar “apertado”). Já evitei tirar uma foto quando tinha acabado de receber a notícia triste da perda de alguém que eu amava porque isso me impedia de estar feliz e sorridente, por mais que aquele fã não tivesse ideia alguma do que se passava dentro de mim.

São poucas, mas existem essas situações em que posso ter parecido antipático ou até deslumbrado com o lugar que orgulhosamente ocupo, talvez provocando uma má impressão em quem também não teve sensibilidade para entender que, naquele momento, eu não tinha condições de atender o desejo de uma pessoa. O que dizem que aconteceu no Ceará é mentiroso. Jamais recusei tirar uma foto alegando não ser “o Mikey na Disney”. É incabível pensar que eu seria arrogante dessa maneira. 

A forma que estão me pintando não condiz com o retratado. Sempre tratei todos com educação e jamais desrespeitaria alguém que vem me dar carinho – não faço isso nem com quem me ataca, pois acredito que tudo volta pra gente, então vou no afeto. O que pedi a uma das fãs que me abordaram no Ceará foi que se acalmasse para que pudéssemos tirar a foto sem chamar a atenção de todo mundo, para que não ficássemos expostos que nem o Mickey na Disney…falei isso entre sorrisos que trocamos, com leveza, e a foto feita.

Alguém que ouviu pode ter interpretado da pior maneira possível ou tirado do contexto, talvez de forma maldosa, para criar polêmica mesmo. Se foi esse o intuito, conseguiu. Fiquei triste por ser mostrado com quem não sou, ainda mais em um lugar que sempre me recebe de braços abertos e com tanto carinho. Mas sigo com a consciência tranquila de quem sempre respeitou os fãs e que, também, sabe pedir desculpas e assumir erros.

Mas, nesse caso, não posso assumir um erro que não é meu. Se algum possível trabalho caiu, não foi devido a algo que fiz, mas a algo que inventaram a meu respeito. Luz na caminhada de todos nós, mais empatia e menos julgamentos.”

Compartilhe
Publicado por
Igor Guaraná

Comentários
WP Twitter Auto Publish Powered By : XYZScripts.com