Jonas Esticado fala dos novos projetos: DVD em Brasília e turnê na Europa

Jonas Esticado fala dos novos projetos: DVD em Brasília e turnê na Europa

Jonas Esticado - Foto: Verner Brenan / Divulgação

Publicado em Música 3/09/2019 às 6:51

Cearense de Juazeiro do Norte, Jonas Esticado, 24 anos, gravar neste sábado (7), o DVD “Jonas in Brasília”. A escolha pela Capital Federal reúne motivações: tem a fama de pé-quente entre os artistas do forró e sertanejo; é o centro do País e nele vivem muitos nordestinos, e ainda vai aproveitar a “vibe” do evento Na Praia, à beira do lago Paranoá.

Em São Paulo, onde ensaia para o projeto, Jonas Esticado – que tem público grande no Recife – falou com o Social1 por telefone.

A propósito, ele lembrou que volta à capital pernambucana, dia 5 de outubro, com o “Jonas Intense”, no Terminal Marítimo de Passageiros do Porto do Recife. Antes de viajar para a sua primeira turnê europeia, no fim de outubro, com quatro shows em Portugal, Espanha, Holanda e Suíça.

Acompanhe:

Por que gravar o DVD em Brasília?

Além de ser um lugar com fama de pé-quente – porque a maioria das bandas do segmento [forró e sertanejo] que gravaram DVD em Brasília tiveram sucesso -, tem muitos nordestinos e também gente de outras regiões. Mas também pra levar a carreira pro Brasil. 

A gravação será no evento Na Praia, que na mesma noite terá Jorge e Mateus. Eles vão participar?

Não sei ainda [rs]. Tem que ver a agenda. Quero muito que eles participem. “Com amor não se brinca”, que eu gravei com Jorge, foi uma música que me levou para vários lugares. Então, se eu puder contar com a participação não seria ruim, seria muito bom!

O que vai entrar no DVD?

Dez ou 11 músicas inéditas, fora o repertório já conhecido… “Moça do Espelho”, “Saudade Boa”, “Meu Coração Pegou Ar”, “Vem me Amar”, que lançamos o clipe [gravado recentemente num haras em Gravatá, Agreste pernambucano]. Tem música romântica, pra cima, sofrência, de tudo um pouco.

Você falou que esse projeto também é pra levar a carreira para fora do Nordeste. Mas você já faz shows em outras regiões?

Já fiz muitos: São Paulo, em Brasília mesmo, no VillaMix de Goiânia [Jonas Esticado é agenciado pela AudioMix, que tem sede na capital goiana e produz o festival], Rio, Roraima, Pará…

E, a propósito, porque Esticado?

É uma gíria no Ceará – quando o negócio é bom, estica até amanhecer o dia. [rs] ‘Estica mais um pouquinho!’. Hoje, a gente estica os shows.

Qual é a média mensal?

Vinte e cinco, 30 shows… Em junho eu fiz 35. Mas meu recorde foram 42, em junho do ano retrasado [2017]. A cada ano, a gente diminui um pouco, pra ter tempo para a família em Juazeiro do Norte [onde continua morando].

Quando você começou a cantar?

Aos 17 anos, não foi tão novinho. Cantava nos bares-boates de Juazeiro do Norte, com banda. Eu quem tomava conta de tudo: levava instrumentos, pegava o carro do meu pai emprestado pra levar todo mundo.

E quando saiu de Juazeiro do Norte pra ser conhecido no Nordeste?

Antes era o Forró do Esticado, e quando conheci meu empresário e sócio, que é até hoje, fizemos a transição para o Jonas Esticado. Daí a gente começou a sair. Foi todo um trabalho de formiguinha, devagarinho, faz uns quatro, cinco, anos.

Agora, você se prepara para uma turnê fora do Brasil. O que esse passo significa pra você?

‘Tô’ muito feliz! É uma coisa nova na minha carreira… Mas também ‘tô’ curioso, ansioso, é uma mistura.

Imagino que vai ter muitos brasileiros, mas também gente que não conhece forró…

Acho que ‘tô’ um pouco acostumado. No início, tinha muito disso, de a galera chegar um pouco fria, mas as músicas agradam 90% do público. Até quem não curte forró acaba curtindo.

Sobre o “Jonas Intense”, que você traz ao Recife em outubro, é um show de mais de três horas… Como você se prepara para uma maratona dessa?

Pra ter preparo tem que ter descanso, e é difícil, mas quando a gente administra tudo dá pra conciliar. Antes do palco, ter que cuidar da alimentação, que é difícil na estrada, e também tem a preparação vocal, o aquecimento. Isso tem que manter. A gente depende disso.

Consegue ficar em Juazeiro pra descansar?

Não consigo ficar muito, mas sempre que posso ‘tô’ em casa, com minha família, minha mulher e meu filho de quatro anos. E, quando ‘tô’ fora e posso, digo ‘vem pra cá’.

NÚMEROS

No YouTube, Jonas Esticado tem pouco mais de 800 mil inscritos em seu canal; sendo mais de 195 milhões de visualizações

No Spotify, são mais de 1,1 milhão de ouvintes mensais

No Instagram, o artista é seguido por 2,1 milhões de perfis

 
 
 
 
Compartilhe
Publicado por
Romero Rafael

Comentários
WP Twitter Auto Publish Powered By : XYZScripts.com