Rua da Aurora ganha novo bistrô

Rua da Aurora ganha novo bistrô

Destaque para o Medalhão de filé a L'Ancienne. Acompanha risoto caprese e batatas bravas. Fotos: Gustavo Belarmino/NE10

Publicado em Gastrô 20/11/2018 às 12:00

Ainda em esquema de soft-open, o Centro do Recife acaba de ganhar o Fiordes Bistrô, espaço que dá uma nova funcionalidade à casa de eventos do mesmo nome, na Rua da Aurora. A ideia da banqueteira Mariana Lucena surgiu a partir da observação da vocação da rua, que tem atraído novos empreendimentos imobiliários além do público executivo que já circula pela área. O Fiordes fica próximo de Banco Central, Seplag, órgãos do governo, além da própria Prefeitura do Recife, que fica na outra margem do rio. Com público em potencial, expertise em gastronomia e serviço, além de espaço físico na manga, dar este passo foi só questão de planejamento. Hoje, o que se encontra é um ambiente extremamente agradável, com pé direito alto e rústico, muito tom de madeira e cobre e música ambiente.

O trio de patês traz brie com damasco, peito de peru e gorgonzola com peras ao vinho do porto com cestinha de torradas

O trio de patês traz brie com damasco, peito de peru e gorgonzola com peras ao vinho do porto com cestinha de torradas

“No futuro queremos experimentar também o horário do jantar”, prevê Mariana. Justifica-se. A casa, além de possuir o próprio espumante, também agrega uma carta de vinhos com mais de 50 rótulos. De cardápio versátil com pegada contemporânea, o bistrô aposta em clássicos, como tartares, pastinhas, ceviches e ratatouilles. Entra pelas saladas, massas, gratinados (experimente a musseline nordestina), peixes, aves, risotos e menu infantil. Há também a aposta no menu executivo, que contempla entradas, prato principal e sobremesa. Como entrada, sempre uma salada ou caldo do dia. De principal, quatro opções de escolha (ravioli, ave, peixe ou carne) e a sobremesa do chef (R$ 49). Embora com um menu mais amplo, alguns clássicos do buffet, servidos de forma petit, foram revisitados para versão almoço e são a aposta da casa. Exemplo do risoto de filé ao parmesão, o ceviche com leite de coco e a musseline nordestina, q2ue vemos nas fotos abaixo. Bom apetite!

Um dos diferenciais do espaço é o Ceviche de linguado com leite de coco, o que deixa o sabor menos cítrico e bem tropical. Acompanha chips de raízes e banana

Um dos diferenciais do espaço é o Ceviche de linguado com leite de coco, o que deixa o sabor menos cítrico e bem tropical. Acompanha chips de raízes e banana

Entre as entradas, o clássico steak tartare, também com chips de raízes

Entre as entradas, o clássico steak tartare, também com chips de raízes

Aqui, destaque para a musseline nordestina: panelinha de banana da terra gratinada com carne de sol desfiada. Acompanha arroz soltinho e é uma ótima pedida para prato principal

Aqui, destaque para a musseline nordestina: panelinha de banana da terra gratinada com carne de sol desfiada. Acompanha arroz soltinho e é uma ótima pedida para prato principal

A Salada Fiordes, escolha mais light, traz folhas nobres com caponata italiana, figos grelhados ao molho balsâmico com laranja, finalizada com redução de vinho do porto

A Salada Fiordes, escolha mais light, traz folhas nobres com caponata italiana, figos grelhados ao molho balsâmico com laranja, finalizada com redução de vinho do porto

A cheesecake de cartola: tradicional sobremesa pernambucana é revisitada no novo bistrô

Durante o dia, ambiente do Fiordes, que é um buffet à noite, vira agradável bistrô

Durante o dia, ambiente do Fiordes, que é um buffet à noite, vira agradável bistrô

Compartilhe
Comentários
WP Twitter Auto Publish Powered By : XYZScripts.com