Douglas Sampaio é inocentado no caso de agressão à Jeniffer Oliveira

Douglas Sampaio é inocentado no caso de agressão à Jeniffer Oliveira

Jeniffer Oliveira e Douglas Sampaio (Imagens: Reprodução / Instagram)

Publicado em Cinema Famosos Notas TV 6/11/2018 às 3:49

Douglas Sampaio foi inocentado no caso de agressão contra sua então namorada, a atriz Jeniffer Oliveira. A polícia ouviu sete testemunhas que estavam presentes no lamentável episódio, mas nenhuma delas relatou qualquer tipo de hostilidade realizada pelo o ator. Além disso, os investigadores analisaram gravações do bar onde supostamente ocorreu a violência, porém, nada foi encontrado. Sylvio Guerra, advogado de Douglas, contou ao jornal Extra que Jeniffer deverá responder por denúncia caluniosa. Já sua testemunha, Ingrid Rodrigues Spada, será processada por falso testemunho. A atriz registrou queixa na 16ª DP, na Barra da Tijuca, no Rio de Janeiro, por lesão corporal com violência doméstica e, além disso, compartilhou um texto em suas redes sociais relatando o caso.

Defesa de Jeniffer

De acordo com a defesa da atriz, cabe apenas ao Ministério Público definir se de fato aconteceu a suposta agressão. “Acho a conclusão do relatório do delegado um equívoco. Eles fazem menção às testemunhas que prestaram depoimento e que disseram que não viram a agressão. Mas o fato de não terem visto agressão não significa que ela não ocorreu. As testemunhas levadas pelo Douglas não estavam presentes no ambiente em que estavam a Jeniffer e o Douglas. E as duas amigas que estavam no momento em que a Jeniffer foi agredida foram à delegacia e disseram que viram a agressão. É uma conclusão absolutamente equivocada”, disse João Bernardo Kappen, advogado da atriz.

Douglas comemora

Douglas Sampaio comemorou a decisão através de suas redes sociais. “Fato concluído. Eu falei o tempo inteiro que eu era inocente e que eu ia provar. Tá bem claro, graças a Deus, que a verdade apareceu. E eu tô feliz demais em tudo se esclarecer”, disse. “(…) Minha vida foi devastada por conta dessa mentira, perdi trabalhos, chorei, tinha vergonha de sair nas ruas por causa dessa maldade feita covardemente. As pessoas me olhavam como um criminoso. Minha família sofreu, meus amigos sofreram, me viram me afundar em lágrimas e sem saber o que fazer. Mas mesmo com tudo isso acontecendo, nunca perdi minha fé que um dia ia provar a verdade”, desabafou.

Compartilhe
Publicado por
Igor Guaraná

Comentários
WP Twitter Auto Publish Powered By : XYZScripts.com